Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2009

Postagem em destaque

Por que negociações entre Washington e Pyongyang estão condenadas ao fracasso?

Em vez de proferir mais ameaças, a administração Trump deve mostrar que é um parceiro de negociação confiável, escreve o The National Interest, acrescentando que é importante enviar sinais claros agora.
Sputnik

O presidente norte-americano Donald Trump continua tratando a sua administração como uma brigada de salvamento para a diplomacia internacional, mas os norte-coreanos não são estúpidos e não confiam em promessas, afirma o autor do The National Interest Doug Bandow no seu recente artigo.


"O desmantelamento nuclear da Líbia, em muito forçado pelos EUA no passado, se revelou um modo de agressão por meio da qual os norte-americanos convenceram os líbios com tais palavras doces como 'garantia de segurança' e 'melhoramento das relações' para desarmar o país e depois destruí-lo pela força", conforme notou o Ministério das Relações Exteriores da Coreia do Norte, acrescentando que os norte-coreanos percebem as intenções dos EUA.

O autor, lembrando o caso da Líbia, …

O quarto concorrente

Na reta final

Suspeita de pedofilia no Colégio Militar

Honra: a Marinha ensina

Exército vai reforçar campanha de prevenção à Gripe Suína na fronteira com o Acre

Militar gay em alta

Katiucha

Caracas e Moscou firmam acordo de cooperação militar

Suécia quer explicação sobre armas às Farc

Comandos vão redistribuir tropas

Crise e aperto fiscal afetam modernização das Forças Armadas

Índia entra no grupo de países que têm submarino nuclear

Mudança de bases dos EUA atrai críticas

Exército vai negociar com principais fornecedores

Primeiro acidente com os novos Kfir colombianos

Consórcio de 12 nações recebe seu primeiro C-17 Globemaster III

Projeto Brasil Potência: desafio à vocação estratégica de seus líderes

Marinha suspende aulas em escolas

Comando da FAB quer investigação sobre controlador

Cabo da Marinha morre no Chile

Boeing aposta alto na Embraer

Boeing aposta alto na Embraer

Ataques taleban deixam 14 mortos

Boas-vindas: explosão e muita fumaça

Militar da Marinha é morto em assalto