Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Oficial americano joga culpa para Israel pelo ataque às forças sírias

No domingo (17), a mídia síria relatou ataque ao povoado sírio Al-Harra, província de Deir ez-Zor, na fronteira com o Iraque, supostamente realizado pela coalizão internacional, liderada pelos EUA, tendo como alvo forças governamentais. Porém, um oficial americano culpou Israel pelo ataque.
Sputnik

Anteriormente, uma fonte militar relatou à mídia síria que drones "provavelmente americanos" bombardearam Al-Harra, entre Abu Kamal e Al-Tanf.

Segundo dados das Forças de Mobilização Popular iraquianas, o ataque matou 22 soldados iraquianos. O Observatório Sírio de Direitos Humanos, por sua vez, disse que o número total de vítimas corresponde a 52 pessoas, citado pelo Haaretz.

"Entre [os mortos] estão ao menos 30 militares iraquianos e 16 sírios, incluindo soldados e membros da milícia leal ao governo", afirmou à mídia o chefe do Observatório Sírio, Rami Abdel Rahman.

Comentando a notícia, o porta-voz do Departamento de Defesa dos EUA, Adrian Rankine-Galloway, descartou que W…

Marinha do Brasil diz que vai apurar quem são os militares envolvidos em fotos de sexo dentro de unidade no Rio

Thiago de Araújo | Brasil Post

A Marinha do Brasil informou que vai apurar quem são os militares envolvidos em fotos de atos sexuais que estão circulando nas redes sociais nos últimos dias. A denúncia, feita pelo jornal Extra, fez com que o Comando do 1º Distrito Naval abrisse um processo administrativo que vai apurar detalhes de quando, como e envolvendo quem se deram as relações sexuais.


SEXO MARINHA

Segundo o jornal, as fotos teria como protagonistas um sargento e uma enfermeira do Centro de Instrução Almirante Wandenkolk (CIAW), que fica na Ilha das Enxadas, na Baía de Guanabara, próximo à Ponte Rio-Niterói, que separa os dois municípios. As imagens mostram o que parece ser a academia do centro.

Os registros teriam sido feitos no fim de 2014, mas ganharam repercussão somente nos últimos dias.

De acordo com a Marinha, se forem confirmadas as identidades e as transgressões dentro de uma unidade militar, os envolvidos serão tratados “com todo o rigor que o caso requer”.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas