Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Super Tucano em teste pela Força Aérea dos EUA sofre acidente

Queda sem causa ainda definida é má notícia para a fabricante brasileira, que disputa concorrência com americanos
Igor Gielow | Folha de S.Paulo

Um turboélice A-29 Super Tucano, fabricado pela Embraer, caiu durante um exercício de ataque leve conduzido pela Força Aérea dos EUA em um campo de provas do Novo México, na sexta (22).

Dois tripulantes conseguiram se ejetar. Segundo comunicado da base de Holloman, um dele se feriu levemente e foi medicado, enquanto não há detalhes do estado do segundo. A causa do acidente não foi divulgada.

O avião participa da fase final da competição para fornecimento de aviões leves para missões de ataque a solo e reconhecimento. Inicialmente, os EUA querem adquirir 15 unidades, para depois expandir a até 120. Elas servirão para substituir o famoso A-10 Warthog (Javali, em inglês), um modelos subsônico a jato fortemente armado e blindado que opera desde 1977.

Os americanos estão procurando opções mais econômicas para a missão. Enquanto um A-10 tem sua hora-voo…

Rússia fornecerá nova torre de artilharia automática aos EAU

Os Emirados mostraram muito interesse em comprar o novo dispositivo bélico.


Sputnik

Um acordo assinado pela empresa russa Rosoboronexportprom e a árabe Emirates Defense Technology estabelece uma parceria entre a Rússia e os Emirados Árabes Unidos (EAU). A nova torre de artilharia automática russa AU-220M será combinada com um veículo blindado fabricado pelos Emirados, provavelmente o veículo blindado modular de combate Enigma.


AU-220M
AU-220M | © Foto: Uralvagonzavod Press Service
O acordo foi assinado nesta quarta-feira (25) durante a exposição de material defensivo International Defense Exibition (IDEX 2015), que tem lugar em Abu Dhabi.

A AU-220M foi apresentada no domingo, primeiro dia da exposição, e foi imediatamente um sucesso.

O módulo é destinado para veículos blindados novos e modernizados. Foi elaborado por construtores do Instituto de Pesquisa Burevestnik, da cidade russa de Nizhny Novgorod, e apresentada pela empresa Uralvagonzavod, da qual o Burevestnik faz parte. A versão naval do canhão é capaz de atingir alvos na superfície, no ar e no mar, com alcance horizontal de 12 km e vertical, de 8 km.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas