Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Defesa russa: avião Il-20 foi derrubado por mísseis sírios S-200

De acordo com o ministério russo, o sistema de defesa aérea sírio tentava atacar um avião de Israel. No entanto, a tripulação israelense fez uma manobra especial para se proteger, e o míssil acabou atingindo acidentalmente o avião russo Il-20.
Sputnik

O avião Il-20 desapareceu dos radares em 17 de setembro, por volta das 23h do horário de Moscou, (17h em Brasília) durante o retorno planejado à base aérea de Hmeymim, acima do território do mar Mediterrâneo, a 35 quilômetros da costa da Síria, informou o comunicado do Ministério da Defesa da Rússia. O represente oficial da Defesa russa, Igor Konashenkov sublinhou que os aviões israelenses "propositalmente criaram uma situação perigosa para navios e aviões nessa região".

Na opinião dele, para evitar o ataque sírio, a tripulação israelense acabou tornando o Ilyushin-20 alvo de ataque.

"Ao tentarem proteger-se com ajuda do avião russo, os pilotos israelenses o puseram debaixo de fogo do sistema de defesa antiaérea da Síria"…

Rússia fornecerá nova torre de artilharia automática aos EAU

Os Emirados mostraram muito interesse em comprar o novo dispositivo bélico.


Sputnik

Um acordo assinado pela empresa russa Rosoboronexportprom e a árabe Emirates Defense Technology estabelece uma parceria entre a Rússia e os Emirados Árabes Unidos (EAU). A nova torre de artilharia automática russa AU-220M será combinada com um veículo blindado fabricado pelos Emirados, provavelmente o veículo blindado modular de combate Enigma.


AU-220M
AU-220M | © Foto: Uralvagonzavod Press Service
O acordo foi assinado nesta quarta-feira (25) durante a exposição de material defensivo International Defense Exibition (IDEX 2015), que tem lugar em Abu Dhabi.

A AU-220M foi apresentada no domingo, primeiro dia da exposição, e foi imediatamente um sucesso.

O módulo é destinado para veículos blindados novos e modernizados. Foi elaborado por construtores do Instituto de Pesquisa Burevestnik, da cidade russa de Nizhny Novgorod, e apresentada pela empresa Uralvagonzavod, da qual o Burevestnik faz parte. A versão naval do canhão é capaz de atingir alvos na superfície, no ar e no mar, com alcance horizontal de 12 km e vertical, de 8 km.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas