Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Primeiro voo do Aero L-159T2

A Aero Vodochody realizou o primeiro voo do treinador a jato L-159T2 de dois lugares em 1º de agosto. O voo de 30 minutos foi conduzido pelos pilotos de testes da empresa Vladimír Kvarda e David Jahoda.
Poder Aéreo

A Força Aérea Tcheca encomendou três exemplares em 2016, que devem ser entregues até o final deste ano. As aeronaves L-159 são operadas pelas forças aéreas tcheca e iraquiana, pela empresa americana Draken International e, no passado, foram alugadas pela Força Aérea Húngara para treinamento de pilotos.

Estas novas aeronaves de assento duplo T2 têm uma fuselagem central e dianteira recém-construída e apresentam várias melhorias significativas, principalmente em equipamentos de cockpit e sistema de combustível, e são totalmente compatíveis com o NVG. Cada cockpit é equipado com duas telas multifuncionais e um assento de ejeção VS-20 atualizado. A aeronave também pode oferecer uma capacidade de reabastecimento sob pressão. O radar GRIFO, já em uso na versão de um único assento, a…

Irã: EUA fornecem armas ao Estado Islâmico

Aviões militares norte-americanos fazem voos regulares aos aeroportos controlados pelo grupo terrorista Estado Islâmico, e entregam armas, dinheiro e comida aos rebeldes, declarou à Farsnews o chefe do Estado-Maior General das Forças Armadas do Irã, general Hassan Firuzabadi.


Sputnik

"Os Estados Unidos não podem fornecer armas e dinheiro ao grupo Estado Islâmico, e, em seguida, pedir desculpas e dizer que eles fizeram isso por engano. Os norte-americanos dizem que querem lutar com o EI, (mas) não vemos quaisquer medidas concretas, apenas operações de reconhecimento e de inteligência", declarou o general Firuzabadi.


Combate contra Estado Islâmico
© AFP 2015/ AHMAD AL-RUBAY

Ele também prevê para o futuro próximo "uma onda brutal de terrorismo que engolirá tanto os EUA como a Europa", e ele também salientou que "as pessoas ao redor do mundo têm que lutar contra o terrorismo e proteger o direito à vida, e não fornecer armas e enormes recursos para os terroristas, o que já tornou o EI o maior grupo armado no mundo."

O general iraniano declarou que "se os Estados Unidos são honestos nas suas garantias de que eles não estão a contribuir para a criação do EI, eles podem facilmente vencer esse grupo terrorista. E esperamos que os EUA e o governo britânico combatam o Estado Islâmico, pelo menos, para o bem de seus próprios povos".


Postar um comentário

Postagens mais visitadas