Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Kim Jong-un: Após 'declaração de guerra feroz', Trump e os EUA pagarão caro

Em um raro pronunciamento, o líder norte-coreano Kim Jong-un disse nesta sexta-feira (horário local) que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e seu povo "pagarão caro"pelas “palavras excêntricas” que pregaram a destruição da Coreia do Norte.
Sputnik

Em seu discurso na Assembleia Geral da ONU, Trump afirmou que os EUA estão prontos para a "destruição total" da Coreia do Norte, caso isso se faça necessário.


Além disso, o presidente estadunidense chamou Kim de "Homem Foguete", pelo que considera uma "tática suicida" de provocações contra Washington e o resto dos seus aliados na Ásia.

"Agora estou pensando muito sobre a resposta que ele poderia ter esperado quando ele se permitiu que palavras tão excêntricas tropeçassem da sua língua", disse Kim, em declarações reproduzidas pela Agência Central de Notícias da Coreia (KCNA).

"Qualquer coisa que Trump possa ter esperado, ele enfrentará resultados além de suas expectativas. Eu vou, …

Marinha do Egito participa de exercícios militares em Bahrein

Navios militares e caças egípcios participam dos exercícios militares conjuntos no Bahrein, informou nesta quarta-feira a estatal Bahrain News Agency. As manobras receberam o codinome Hamad 1.


Sputnik

Segundo as palavras do comandante em chefe do Bahrein, Ahmed Al Khalifa, durante sua saudação aos militares egípcios, “os exercícios conjuntos serão realizados no âmbito da cooperação militar bilateral, voltada para o fortalecimento dos laços históricos com Egito, aprofundamento das relações de irmãos no âmbito pan-arábico, e coordenação de ações conjuntas”. 


Navios no Golfo Pérsico, 21 de maio de 2013, exercícios militares
© flickr.com/ U.S. Department of Defense

Estes exercícios serão as maiores manobras conjuntas de países árabes na região do Golfo Pérsico desde 2012. Em abril de 2012, um ano após a repressão de protestos da oposição, Bahrein realizou exercícios militares com nove países árabes envolvidos e com a participação dos EUA.

Em meados de abril, durante visita ao Egito do ministro da Defesa da Arábia Saudita, Cairo e Riad concordaram em realizar grandes exercícios militares na região com a participação de diversos países do Golfo Pérsico.


Postar um comentário