Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Embraer e Boeing acertam termos de parceria

Acordo prevê criação de uma nova empresa de aviação comercial, com 80% de participação da gigante americana. Boeing vai pagar 4,2 bilhões de dólares aos brasileiros. Transação precisa ser aprovada pelo governo federal.
Deutsch Welle

A Embraer e a gigante americana Boeing anunciaram nesta segunda-feira (17/12) a aprovação dos termos de uma parceria para criar uma nova empresa de aviação comercial. A execução do acerto ainda precisa do aval do governo brasileiro.


De acordo com a proposta, a Boeing deterá 80% de participação na joint venture pelo valor de 4,2 bilhões de dólares, enquanto a fabricante brasileira ficará com os 20% restantes.

"A expectativa é de que a parceria não terá impacto no lucro por ação da Boeing em 2020, passando a ter impacto positivo nos anos seguintes", diz um comunicado conjunto da Embraer e da Boeing divulgado para investidores.

As duas empresas informaram que a joint venture criada para a fabricação de aviões comerciais, que deve absorver toda a operação…

Marinha russa faz exercícios navais na Crimeia

Exercícios navais russos na Crimeia contaram com os navios de desembarque russos Nikolai Filchenkov e Caesar Kunikov Lvovich da Frota do Mar Negro nesta sexta-feira (17), informou o serviço de imprensa do grupo naval.


Sputnik


Buque de desembarco Tsezar Kunikov
© Sputnik/ Sergei Pyatakov

Os dois navios desembarcaram unidades de marinheiros próximo à costa da cidade de Feodosia, localizada no sudeste da península. "De acordo com o plano, o Caesar Kunikov Lvovich disparou sua artilharia contra alvos no mar e atacaram instalações costeiras", diz a nota.

A península da Criméia se reintegrou à Rússia em março 2014, depois de um referendo sobre a autodeterminação que a esmagadora maioria da Criméia apoiou a volta da península à Federação Russa.


Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas