Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

ONG: EUA mobiliza terroristas no sul da Síria para atacar Ghouta Oriental

Os militares norte-americanos estão mobilizando combatentes de diversos grupos armados com objetivo de atacar os subúrbios orientais de Damasco, disse à Sputnik o chefe da rede de direitos humanos na Síria, Ahmad Kazem.
Sputnik

"Neste momento os EUA estão juntando os combatentes do Daesh e outros grupos, inclusive os de Idlib, e tenta os transferir para At-Tanf e depois para Ghouta Oriental (subúrbio de Damasco), com objetivo de se contrapor ao exército sírio, que pretende liberar a região dos terroristas", disse Kazem. 


Segundo o defensor dos direitos humanos, os financiadores da Arábia Saudita ordenaram que os terroristas já localizados em Guta Oriental empreendam o máximo dos esforços para resistir às tropas de Damasco.

"Eles continuarão a atacar Damasco de forma caótica com seus morteiros", acrescentou o entrevistado.

Os terroristas, que tomaram o subúrbio oriental de Damasco, continuam a disparar contra os bairros centrais e residenciais da capital síria. Nesta qui…

OTAN seguirá expandindo o projeto de escudo antimíssil na Europa

Os países membros da OTAN não pretendem abandonar as intenções de expansão do sistema de escudos antimíssil na Europa, apesar dos recentes acordos com Teerã, que impedem a produção de armas nucleares iranianas.


Sputnik

A informação foi revelada à agência Sputnik pela porta-voz da OTAN, Oana Lungescu, nesta sexta-feira.


Interceptor de mísseis norte-americano
© flickr.com/ The U.S. Army
“A ameaça aos países membros da OTAN, em função do aumento de mísseis balísticos, segue aumentando… O acordo (com Irã) não altera esse fato”, disse Lungescu.

A interlocutora da agência pontuou que o sistema europeu antimíssil não é voltado contra a Rússia.

O representante permanente da Rússia na OTAN, Aleksandr Grushko, já tinha afirmado que as decisões da OTAN em relação às bases antimíssil no leste europeu alteram a situação política e militar na Europa, representam grande ameaça à Rússia e serão consideradas por Moscou para planejamento da defesa do país.



Postar um comentário