Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Radicais sírios estariam recebendo armamento dos EUA através da fronteira com Jordânia

Enquanto o exército sírio parece estar pronto para uma grande ofensiva na província de Daraa, os grupos radicais que operam na região estariam recebendo grandes remessas de material bélico "Made in USA".
Sputnik

Os grupos militantes que atuam no sul da Síria receberam uma grande quantidade de armas e munições fabricadas nos EUA, incluindo mísseis antitanque TOW, informou a agência de notícias FARS.

De acordo com a FARS, o armamento foi entregue através da fronteira com a Jordânia no âmbito de um novo plano dos EUA para assegurar mais apoio a estes grupos na Síria.

A agência informou também que os grupos militantes na província de Daraa começaram a se preparar para impedir a ofensiva do exército sírio.

No início deste mês, o exército sírio intensificou as ações no sudoeste do país, controlado por radicais, perto da fronteira com a Jordânia e as Colinas de Golã, ocupadas por Israel.

O Ministério da Defesa da Rússia acrescentou que as forças do governo sírio, apoiadas por um grande a…

Alemanha e França planejam desenvolver novo tanque para competir com o Armata

A Alemanha e a França estão se preparando para desenvolver em conjunto um novo tanque de guerra, o Leopard 3, para substituir versão antiga Leopard 2 e competir com o novíssimo tanque russo Armata.


Sputnik

A razão principal da modernização é o fato de o Leopard 2 possuir um prazo de vida útil até 2030. A mídia alemã, no entanto, sugere que a verdadeira razão é a análise que foi recentemente apresentada pelo Serviço Federal de Inteligência da Alemanha (BND) sobre a força militar da Rússia e, em particular, o novo tanque T-14 Armata, que foi mostrado durante a última Parada da Vitória em Moscou.


T-14 Armata

A análise do BND sugere que, embora os veículos de combate apresentados no desfile ainda estejam na etapa de pré-produção, quando forem concluídos, serão os tanques com o nível de armamentos mais alto no mundo. De acordo com a Deutsche Welle, o fabricante do Leopard 2, a empresa Krauss-Maffei Wegmann, planeja se fundir com a francesa Sistemas Nexter durante este ano.

Isto levou a imprensa alemã a espalhar a opinião que a nova empresa franco-alemã, com mais de 6 mil funcionários e um volume de negócios combinado de cerca de 2 bilhões de euros, poderá ser um forte candidato a ganhar o contrato para desenvolver um novo tanque de guerra para a Bundeswehr.

Pouco antes da Parada da Vitória, a revista The National Interest informou por que razão os EUA realmente devem temer o novo Armata. A revista sugeriu que a Rússia irá ter em breve um tanque de grande velocidade, manobrabilidade, potência de fogo e capacidade de sobrevivência, muito superior a tudo o que tem sido produzido para os exércitos ocidentais.

A principal característica do Armata é a torre ser operada remotamente a partir de uma cápsula blindada e isolada. O tanque possui um sistema de radar único que pode rastrear, simultaneamente, até 40 alvos no solo e 25 no ar em um raio de 98 quilômetros.

O tanque já possui um canhão com calibre de 125 milímetros, opera com projéteis de mais diversos tipos e supera em potência um dos melhores tanques do mundo, o referido Leopard 2. O Armata também possuiu um canhão automático com calibre de 30 milímetros, que pode ser utilizado como elemento antiaéreo. Para combate com unidades menores, a torre está equipada com uma metralhadora com calibre de 12,7 milímetros.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas