Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

O que acontece quando desaparece um submarino como o argentino ARA San Juan

As autoridades argentinas continuam com as buscas para tentar localizar o submarino ARA San Juan, que estava em uma missão de treinamento e desapareceu na última quarta com 44 tripulantes a bordo.
BBC Brasil


A Marinha argentina revelou que, no último contato, o subcomandante afirmou que a embarcação apresentava um curto-circuito no sistema de baterias.


O submarino fazia o trajeto entre o Ushuaia, no sul do país, e a base naval de Mar del Plata, mais ao norte, quando deixou de se comunicar e sumiu dos radares. Segundo a Marinha, a tripulação teria comida e oxigênio para mais dois dias.

O governo argentino conta com a ajuda de vários países para realizar as buscas, incluindo Brasil e Estados Unidos.

Mas quais são principais dificuldades em uma operação para localizar um submarino? A BBC tenta responder a esta e a outras perguntas sobre o tema.

Por que submarinos não podem ser detectados?


Os submarinos são construídos para serem difíceis de se encontrar. O papel deles é participar, com frequênc…

Caça chinês fabricado a partir do russo Su-27 faz voo inaugural

O caça chinês J-11D da China fez seu voo inaugural, informou nesta quinta-feira (30) o portal de notícias Sina.com. O avião é uma cópia do jato russo Su-27, da fabricante Sukhoi.


Sputnik


Jato chinês J-11.
© Wikipedia / US Defesa Depto.

As fotos postadas na Internet mostram as mais recentes modificações a partir do J-11B, inicialmente concebido como uma cópia do Su-27. Ao contrário de seu antecessor, o modelo J-11D conta com o eficiente sistema de radar Phased-array e leva mísseis ar-ar PL-10.

A aeronave é produzida pela Shenyang Aircraft Corporation. A China comprou a licença de fabricação do Su-27 da Rússia na década de 1990 e vem produzindo novas versões com peças internas.



Postar um comentário