Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Analista: entrega de dados de Israel sobre abate de Il-20 significa muito para Rússia

O comandante da Força Aérea Israelense, Amikam Norkin, forneceu ao Ministério da Defesa da Rússia dados sobre o incidente com o avião russo Il-20 na Síria. Israel demonstra que não pretende perder a cooperação estabelecida com a Rússia, disse o analista político Stanislav Tarasov durante uma entrevista ao serviço russo da Rádio Sputnik.
Sputnik

Além destas informações sobre o abate da aeronave, Israel também avisou sobre "as tentativas do Irã de fortalecer sua posição na Síria e entregar armas estratégicas ao Hezbollah". Os militares observaram que é necessário continuar coordenando as ações na Síria, ressaltando a importância de respeitar os interesses dos dois países.

O avião russo Il-20 foi abatido sobre o mar Mediterrâneo no dia 17 de setembro, a 35 quilômetros da costa síria, por um míssil do sistema antiaéreo S-200 da Síria, resultando na morte de 15 militares.

Ao mesmo tempo, quatro caças F-16 atacaram instalações sírias em Latakia. De acordo com o Ministério da Defesa da…

Irã faz disparos de advertência contra navio de Cingapura

France Presse

Barcos de patrulha da Guarda Revolucionária do Irã fizeram disparos de advertência no Golfo Pérsico, nesta quinta-feira, contra um navio mercante de bandeira de Cingapura - informaram autoridades americanas.


(Arquivo) Um barco de patrulha da Guarda Revolucionária do Irã é visto perto do porto de Bandar Abbas, no dia 2 de julho de 2012
Barco de patrulha da Guarda Revolucionária do Irã

O navio foi socorrido por embarcações dos Emirados Árabes Unidos (EAU), acrescentaram as fontes consultadas pela AFP.

O "Alpine Eternity" estava em águas internacionais no momento do incidente, relatou um funcionário americano da Defesa, que pediu para não ser identificado.

O navio se refugiou, então, nas águas territoriais dos EAU.

Os barcos da Guarda Revolucionária se retiraram da área, depois de terem disparado as salvas de advertência, acrescentaram as fontes.

"Verificamos com o gerente do 'Alpine Eternity' que a tripulação está a salvo e que a embarcação está em águas territoriais do EAU", afirmaram autoridades marítimas de Cingapura, indicando que o episódio será investigado.

Os incidentes navais com o Irã "são um tema de preocupação para nós" e "continuaremos vigiando a situação", declarou o porta-voz do Pentágono, coronel Steven Warren.

O "Alpine Eternity" é um navio-tanque usado no transporte de petróleo e de produtos químicos. A embarcação integra a frota da empresa Transpetrol, com escritórios na Noruega, Suíça, Bélgica e Bermudas.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas