Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

ONG: EUA mobiliza terroristas no sul da Síria para atacar Ghouta Oriental

Os militares norte-americanos estão mobilizando combatentes de diversos grupos armados com objetivo de atacar os subúrbios orientais de Damasco, disse à Sputnik o chefe da rede de direitos humanos na Síria, Ahmad Kazem.
Sputnik

"Neste momento os EUA estão juntando os combatentes do Daesh e outros grupos, inclusive os de Idlib, e tenta os transferir para At-Tanf e depois para Ghouta Oriental (subúrbio de Damasco), com objetivo de se contrapor ao exército sírio, que pretende liberar a região dos terroristas", disse Kazem. 


Segundo o defensor dos direitos humanos, os financiadores da Arábia Saudita ordenaram que os terroristas já localizados em Guta Oriental empreendam o máximo dos esforços para resistir às tropas de Damasco.

"Eles continuarão a atacar Damasco de forma caótica com seus morteiros", acrescentou o entrevistado.

Os terroristas, que tomaram o subúrbio oriental de Damasco, continuam a disparar contra os bairros centrais e residenciais da capital síria. Nesta qui…

Irã faz disparos de advertência contra navio de Cingapura

France Presse

Barcos de patrulha da Guarda Revolucionária do Irã fizeram disparos de advertência no Golfo Pérsico, nesta quinta-feira, contra um navio mercante de bandeira de Cingapura - informaram autoridades americanas.


(Arquivo) Um barco de patrulha da Guarda Revolucionária do Irã é visto perto do porto de Bandar Abbas, no dia 2 de julho de 2012
Barco de patrulha da Guarda Revolucionária do Irã

O navio foi socorrido por embarcações dos Emirados Árabes Unidos (EAU), acrescentaram as fontes consultadas pela AFP.

O "Alpine Eternity" estava em águas internacionais no momento do incidente, relatou um funcionário americano da Defesa, que pediu para não ser identificado.

O navio se refugiou, então, nas águas territoriais dos EAU.

Os barcos da Guarda Revolucionária se retiraram da área, depois de terem disparado as salvas de advertência, acrescentaram as fontes.

"Verificamos com o gerente do 'Alpine Eternity' que a tripulação está a salvo e que a embarcação está em águas territoriais do EAU", afirmaram autoridades marítimas de Cingapura, indicando que o episódio será investigado.

Os incidentes navais com o Irã "são um tema de preocupação para nós" e "continuaremos vigiando a situação", declarou o porta-voz do Pentágono, coronel Steven Warren.

O "Alpine Eternity" é um navio-tanque usado no transporte de petróleo e de produtos químicos. A embarcação integra a frota da empresa Transpetrol, com escritórios na Noruega, Suíça, Bélgica e Bermudas.


Postar um comentário