Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Marinha e Aeronáutica do Brasil auxiliam buscas a submarino argentino desaparecido, diz ministro

Segundo Raul Jungmann, três navios e um avião brasileiros já foram disponibilizados. Última vez que o submarino militar com 44 pessoas a bordo manteve contato com a base foi na quarta-feira (15).
Por G1, Brasília

O ministro da Defesa, Raul Jungmann, publicou em seu perfil no Twitter neste sábado (18) que três navios da Marinha brasileira "já estão auxiliando" nas buscas a um submarino argentino que desapareceu com 44 tripulantes a bordo.

Ainda segundo o ministro, a Força Aérea Brasileira (FAB) disponibilizou um avião para também ajudar na procura pelo submarino e um segundo avião "será deslocado para apoiar as buscas do submarino argentino desaparecido" a partir deste domingo (19).

O submarino militar ARA San Juan manteve contato com a base pela última vez na manhã de quarta-feira (15), quando estava no sul do Mar Argentino, a 432 quilômetros da costa patagônica do país.

De acordo com a FAB, o primeiro avião disponibilizado pelo Brasil decolou, com 18 tripulantes, às 17…

Justiça derruba normas de admissão no Exército

Antonio Carlos Prado e Elaine Ortiz | IstoÉ

Ao julgar uma ação coletiva do Ministério Público Federal contra a União, o Tribunal Regional Federal da 1ª Região determinou que o Exército não mais aplique restrições a quem pretenda ingressar em seus quadros. 




Algumas exigências do Exército, que caíram por terra, eram as seguintes: ter pelo menos 20 dentes naturais na boca, altura não inferior a 1m60, não ser portador de doenças sexualmente transmissíveis e enfermidades autoimunes. A Justiça Federal julgou as restrições como “conduta discriminatória e irrazoável”.



Postar um comentário