Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Embraer e Boeing acertam termos de parceria

Acordo prevê criação de uma nova empresa de aviação comercial, com 80% de participação da gigante americana. Boeing vai pagar 4,2 bilhões de dólares aos brasileiros. Transação precisa ser aprovada pelo governo federal.
Deutsch Welle

A Embraer e a gigante americana Boeing anunciaram nesta segunda-feira (17/12) a aprovação dos termos de uma parceria para criar uma nova empresa de aviação comercial. A execução do acerto ainda precisa do aval do governo brasileiro.


De acordo com a proposta, a Boeing deterá 80% de participação na joint venture pelo valor de 4,2 bilhões de dólares, enquanto a fabricante brasileira ficará com os 20% restantes.

"A expectativa é de que a parceria não terá impacto no lucro por ação da Boeing em 2020, passando a ter impacto positivo nos anos seguintes", diz um comunicado conjunto da Embraer e da Boeing divulgado para investidores.

As duas empresas informaram que a joint venture criada para a fabricação de aviões comerciais, que deve absorver toda a operação…

MiG-31 abate míssil durante exercício militar na Rússia

O Ministério da Defesa da Rússia divulgou nesta quinta-feira (28) que um caça russo MiG-31 (Foxhound) interceptou com sucesso um míssil de cruzeiro que disparado por um bombardeiro estratégico Tu-95MS, na região noroeste do país, durante um exercício militar.


Sputnik

As aeronaves estão participando de treinos de prontidão de combate na República de Komi. “O míssil de cruzeiro foi destruído a uma altitude de 300 metros a partir de uma distância de 10 quilômetros (6,2 milhas) do alvo”, relatou em comunicado o Ministério da Defesa.


MiG-31 Foxhound
© Sputnik/ Vitaliy Anko

O MiG-31 é considerado o caça lutador-inteceptador mais rápido do mundo. A aeronave é capaz de abater alvos a até 200 km, graças ao seu radar de longo ao alcance e aos modernos mísseis que transporta, em quaisquer condições meteorológicas.

A Rússia possui atualmente 120 aviões deste modelo em serviço. Estes caças ficarão em serviço até 2026, quando estarão plenamente substituídos por sua versão modernizada, a MiG-31BM.



Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas