Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Radicais sírios estariam recebendo armamento dos EUA através da fronteira com Jordânia

Enquanto o exército sírio parece estar pronto para uma grande ofensiva na província de Daraa, os grupos radicais que operam na região estariam recebendo grandes remessas de material bélico "Made in USA".
Sputnik

Os grupos militantes que atuam no sul da Síria receberam uma grande quantidade de armas e munições fabricadas nos EUA, incluindo mísseis antitanque TOW, informou a agência de notícias FARS.

De acordo com a FARS, o armamento foi entregue através da fronteira com a Jordânia no âmbito de um novo plano dos EUA para assegurar mais apoio a estes grupos na Síria.

A agência informou também que os grupos militantes na província de Daraa começaram a se preparar para impedir a ofensiva do exército sírio.

No início deste mês, o exército sírio intensificou as ações no sudoeste do país, controlado por radicais, perto da fronteira com a Jordânia e as Colinas de Golã, ocupadas por Israel.

O Ministério da Defesa da Rússia acrescentou que as forças do governo sírio, apoiadas por um grande a…

Rebeldes iemenitas afirmam ter derrubado F-16 marroquino

Poder Aéreo

O jornal inglês The Guardian informou que rebeldes xiitas no Iêmen teriam derrubado um caça F-16 marroquino que participava da coalizão liderada pela Arábia Saudita naquele país. O evento teria ocorrido no domingo (10), um dia após o acordo de cessar-fogo humanitário.


F-16 marroquino abatido 1

Fontes oficiais no Marrocos no entanto informaram apenas que um dos seus caças desapareceu no domingo por volta das 18h00, horário local.

Um site de notícias marroquino com laços estreitos com palácio real do reino e os serviços de segurança e inteligência disse que a aeronave era um dos dois caças que partiu de uma base nos Emirados Árabes Unidos em uma missão de reconhecimento sobre o lado iemenita da fronteira com a Arábia Saudita. O site de língua francesa, Le360, disse baterias antiaéreas rebeldes estacionadas no topo de montanhas abriram fogo contra as duas aeronaves quando eles sobrevoaram o terreno a baixa altitude.

Fotos supostamente mostrando o avião abatido foram exibidas nas mídias sociais, apresentando membros de tribos armadas e crianças que levantam ao lado de destroços com cores nacionais do Marrocos. Um cadáver também foi também aparece nas imagens.

A Força Aérea do Marrocos possui seis F-16 baseados nos EAU. Se for confirmada a queda do F-16, este será o segundo caça abatido nesta campanha.




Postar um comentário

Postagens mais visitadas