Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Pyongyang: 3 porta-aviões perto da Coreia do Norte são uma ameaça de guerra nuclear

A ONU "fecha os olhos aos exercícios de guerra nuclear dos EUA, que estão empenhados em causar um desastre catastrófico para a humanidade", declarou o embaixador norte-coreano na ONU, Ja Song-nam.
Sputnik

As autoridades norte-coreanas classificaram na segunda (13) o deslocamento sem precedentes de 3 grupos de porta-aviões dos EUA para a zona da península da Coreia como uma "postura de ataque".


O representante norte-coreano permanente na ONU, Ja Song-nam, expressou em uma carta enviada ao secretário-geral da ONU o descontentamento do seu governo com os exercícios militares de Seul, Tóquio e Washington. Estes, segundo o diplomata, estão criando "a pior situação para a península da Coreia e seus arredores".

"Os EUA são os principais responsáveis por escalar as tensões e comprometer a paz", declarou Ja Song-nam.

Além da presença de 3 porta-aviões estadunidenses (Nimitz, Ronald Reagan e Theodore Roosevelt), Washington continua realizando voos de bombarde…

Rússia desenvolve dispositivo para fazer frente a franco-atiradores

A Rússia vem desenvolvendo um novo dispositivo que ajudará a enfrentar franco-atiradores, informou o gerente da empresa TochMash, Vladimir Slobodchikov.


Sputnik

"Nosso escritório de desenho está realizando um projeto de dispositivo ótico que permitirá lutar contra franco-atiradores e poderá ser utilizado por serviços de guarda-costas", disse em entrevista à Sputnik.


Sistema sniper M110 Semi-Automático (SASS)
© flickr.com/ Program Executive Office Soldier

Trata-se de um pequeno aparelho que se instala no automóvel da pessoa que necessita de proteção. O dispositivo faz uma busca por todo terreno a seu redor e, caso encontre qualquer mira de rifle ou espingarda, transmite as coordenadas do atirador, segundo explicou Slobodchikov, que também é doutor em ciências técnicas e membro da Academia Cosmonáutica da Rússia.

O mecanismo contra franco-atiradores é capaz de detectar dispositivos óticos e óticoeletrônicos de atiradores e criar uma interferência que impeça o inimigo de atirar com precisão.

A empresa TochMash é uma filial do consórcio Rostec e é conhecida principalmente por suas armas de alta precisão, como os sistemas antiaéreos móveis Strela-1 e Strela-10, os mísseis antitanque Falanga e as munições guiadas para tanques Kobra.

Atualmente, a TochMash fabrica armamentos com tecnologia de ponta para as Forças Armadas russas e os exporta para vários países.


Postar um comentário