Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Marinha da Argentina fala sobre localização do submarino ARA San Juan

Embarcação desaparecida há 1 ano foi localizada neste sábado a 907 metros de profundidade. Ainda não há previsão de início dos trabalhos de resgate. 'Não temos meios para resgatar o submarino', diz ministro.
Por G1

A Marinha da Argentina informou neste sábado (17) que o submarino ARA San Juan, que sumiu há 1 ano com 44 tripulantes, foi encontrado a 907 metros de profundidade em uma área de "visibilidade bastante reduzida", e que a embarcação sofreu uma "implosão" no fundo das águas do Oceano Atlântico.

Segundo Enrique Balbi, porta-voz da Marinha, a proa, a popa e a vela se desprenderam do submarino e estão localizadas em uma área de 80 a 100 metros. “Isso sugere que a implosão tenha ocorrido muito perto do fundo”, disse.

Segundo a Marinha, as imagens mostram que o casco do submarino permaneceu bastante intacto, apenas com algumas deformações, e que todas as outras partes se desprenderam. A implosão teria ocorrido em razão da pressão externa do mar ter superado …

Máquina do Inferno surpreende aficionados em armamentos

O Fórum Internacional Técnico-Militar Army-2015, que aconteceu recentemente na região de Moscou, continua a surpreender os aficionados em armamentos como muitas as armas que foram reveladas ao público: uma delas é o novo veículo multiuso de colocação de minas da Rússia UMZ-K, apelidado de Máquina do Inferno.


Sputnik

O automotor foi projetado para instalar minas terrestres antipessoas, antiparaquedistas e antitanques. O UMZ-K difere de seu antecessor, o UMZ, em primeiro lugar, por seu chassi. O anterior era montado sobre um caminhão ZIL-131B. O novo sistema é baseado em um KamAZ-63501.


UMZ-K
UMZ-K © otvaga2004

Este caminhão utilitário pesado é membro da família Mustang e um dos maiores da linha KamAZ. De design inteiramente convencional, trata-se de uma versão renovada do anterior com um aumento da capacidade de carga útil de 15 mil kg.

Na plataforma do caminhão, ficam seis lançadores múltiplos de carga rotativos com mecanismos de elevação fixos. Em batalha, este equipamento é apontado para cima. O ângulo de inclinação chega a 50 graus, enquanto a sua cobertura horizontal é de 90 graus. A carga é de 180 minas.

Os campos minados que a Máquina do Inferno cria tem 15 metros de profundidade e cobrem uma extensão de 240 metros. Sua velocidade de colocação de minas é de até 40 km/h. A tripulação operacional consiste de duas pessoas.



Postar um comentário

Postagens mais visitadas