Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Turquia acionará judicialmente os EUA, caso entregas dos F-35 sejam bloqueadas

Segundo o porta-voz do presidente turco, Ibrahim Kalin, a Turquia recorrerá a medidas jurídicas caso as entregas dos F-35 sejam bloqueadas pelos EUA.
Sputnik

Ibrahim Kalin citou para a mídia turca que "não é nada fácil rescindir este contrato, somos parte de um contrato multilateral, cumprimos com todas as exigências e pagamos, caso os EUA não cumpram, recorreremos à lei".

O Congresso americano decidiu recentemente suspender as entregas dos caças americanos de quinta geração F-35 à Turquia devido aos planos de Ancara de adquirir o sistema de defesa antiaérea russo S-400, além de ameaçá-la com sanções em diversas ocasiões, como citado em artigo da Sputnik Mundo.

O avançado sistema antiaéreo S-400 Triumph (SA-21 Growler, na classificação da OTAN) é capaz de abater alvos aéreos com tecnologia furtiva, mísseis de cruzeiro e mísseis balísticos táticos e táticos-operacionais, tem um alcance de até 400 km e pertence à geração 4+, sendo duas vezes mais eficaz que seus antecessores.

Os se…

Mais de 900 militares da OTAN se reúnem na Espanha

Mais de 900 militares da OTAN se reúnem de hoje até sexta-feira, em Valência, para desenvolver a Conferência Final de Coordenação das manobras Trident Juncture 2010, que terão participação de mais de 30 mil soldados de 30 países.


Sputnik

De 21 de outubro a 6 de novembro, a OTAN vai realizar em Espanha, Portugal e Itália as manobras “mais potentes, mais importantes e de maior qualidade e quantidade da Aliança desde o Afeganistão”, apontou na última quinta-feira o ministro da Defesa da Espanha, Pedro Morenés, durante a apresentação da operação militar. 


Ministro de Defensa español, Pedro Morenés, asiste a la reunión en Cumbre de ministros de Defensa en Túnez
Ministro da Defesa da Espanha, Pedro Morenés © REUTERS/ Zoubeir Souissi

O Quartel General da OTAN de Bétera, em Valência, afirmou nesta segunda-feira, em comunicado, que o exercício acontecerá em duas fases.

A primeira, de 3 a 16 de outubro, se concentrará em exercício de posts de comando, para certificar a Força de Resposta da OTAN que será liderada pela Espanha em 2016.

A Espanha assumirá, com sede em Bétera, o comando da força terrestre. A força de reação que contará com três brigadas multinacionais poderá atuar como “ponta de lança” da OTAN na Espanha.

A segunda fase, de 21 de outubro a 6 de novembro, servirá para realizar uma operação conjunta por terra, mar e ar na chamada iniciativa de Forças Conectadas, lançada pela OTAN para garantir “a interoperabilidade de suas unidades.”

Ao longo do exercício, também será testado o novo conceito de Força de Disponibilidade Muito Alta (VJTF, na sigla em inglês). Em 2016, a VJTF contará com uma brigada espanhola e vários batalhões de nações aliadas sob o comando o Quartel General do Corpo de Resposta Rápida da Aliança, com sede em Bétera.



Postar um comentário

Postagens mais visitadas