Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Estados Unidos elaboram sistema transportável de luta contra drones

A companhia norte-americana Sierra Nevada elaborou uma instalação compacta para luta contra drones que pode ser instalada em picapes e funcionar eficazmente durante o movimento, informa o portal Defense News.
Sputnik

O novo sistema chamado X-Madis pode detectar, identificar e atingir os alvos com meios de guerra eletrônica mesmo em movimento à velocidade de até 80 km/h. Entretanto, para usar o sistema basta um só operador que o poderá dirigir da cabine do veículo, comunica o portal.

Segundo explicaram na companhia, o X-Madis pode ser instalado em várias plataformas móveis, tais como picapes pesadas, veículos todo-o-terreno leves ou barcos.

Além disso, o sistema já foi testado em vários tipos de veículos militares que estão em serviço do exército norte-americano.

O novo dispositivo foi apresentado na exposição SOFIC 2018 que atualmente está sendo realizada em Tampa, no estado norte-americano da Flórida.

Milícia curda acusa Estado Islâmico de usar gás venenoso na Síria

Tom Perry | Reuters

BEIRUTE (Reuters) - Uma milícia curda da Síria disse no sábado (horário local) que o grupo jihadista Estado Islâmico usou gás venenoso em ataques no fim de junho no nordeste da Síria.




O YPG afirmou que o gás venenoso foi usado em ataques em 28 de junho e 29 de junho contra áreas detidas pelo grupo curdo na província de Hasaka, no nordeste do país. O porta-voz do YPG, Redur Xelil, disse que o tipo de produto químico utilizado não tinha sido determinado com precisão.

Nenhum dos combatentes do YPG expostos ao gás morreram porque foram rapidamente levados para o hospital, contou ele.

O Observatório Sírio para os Direitos Humanos, um grupo com sede no Reino Unido que monitora a guerra usando uma rede de ativistas em solo, disse que também havia documentado o uso de gás venenoso pelo Estado Islâmico no nordeste da Síria em 28 de junho.


Postar um comentário