Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Erdogan: exército sírio parou de avançar para Afrin

O presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, declarou que as tropas do governo sírio deixaram de avançar para a cidade de Afrin "após consultas", realizadas pelo líder turco nesta segunda-feira.
Sputnik

As tropas do governo sírio "foram realmente detidas ontem (segunda-feira)", afirmou Erdogan, segundo a agência de notícias Anadolu. Segundo o chefe de Estado, isso aconteceu "após consultas". No entanto, Erdogan não especificou à que consultas estaria se referindo.


Nesta segunda-feira, o líder turco discutiu a situação em Afrin durante conversa telefônica com seus homólogos russo e iraniano, Vladimir Putin e Hassan Rouhani.

Erdogan também afirmou que as milícias pró-governo que tentaram entrar em Afrin nesta terça-feira, e que foram repelidas pelas tropas turcas, o fizeram por iniciativa própria.

"A milícia síria decidiu entrar em Afrin por conta própria. Isso é inaceitável e não ficará sem resposta", alertou Erdogan.

Anteriormente, a imprensa infor…

Navios russos rechaçam ataque aéreo em exercício no Mar de Okhotsk

Um grupo de navios russos da Flotilha do Pacífico rechaçou um grande ataque aéreo de um inimigo fictício, informou nesta terça-feira o porta-voz do Distrito Militar do Leste, capitão Roman Martov.


Sputnik

"A esquadra esteve composta pelo cruzador Variag, pelo contratorpedeiro Bistri e pelos navios antissubmarinos Marechal Shaposhnikov e Almirante Vinogradov", disse o oficial.


Buque antisubmarinos Mariscal Shaposhnikov
Marechal Shaposhnikov © Sputnik/ Vitaly Ankov

As tripulações repeliram o ataque utilizando armas antiaéreas e geradores de interferências radioeletrônicas.

A simulação aconteceu no Mar de Okhotsk, a oeste da Península de Kamchatka, completou o porta-voz do Distrito Militar do Leste.


Postar um comentário