Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Helicópteros americanos estariam resgatando terroristas do Daesh de prisão síria

Os helicópteros norte-americanos tiraram terroristas do Daesh de uma prisão na cidade síria de Al-Hasakah, informou uma fonte local à Sputnik.
Sputnik

"Habitantes locais viram do telhado helicópteros estadunidenses aterrissando no território de uma prisão local, controlada pelos curdos, para tirar de lá terroristas do Daesh", afirmou a fonte — que preferiu não ser identificada — em Al-Hasakah à Sputnik Árabe.


Além disso, há informações que os militares norte-americanos estariam trazendo para a prisão várias munições, porque planejam criar no lugar uma base.

Anteriormente, a mídia iraquiana comunicou que helicópteros dos EUA tinham transportado membros do grupo Daesh (proibido na Rússia) da prisão central de Al-Hasakah para sua base perto do povoado Abu Hajar, no leste da Síria.

De acordo com fontes locais, na prisão de Al-Hasakah, muito bem fortificada, estariam encarcerados cerca de 100 terroristas, a maioria de cidadania estrangeira. Especialistas sírios acham que são os mesmos…

Rússia fará exercícios com disparo de mísseis do complexo Iskander-M

O Distrito Militar do Sul do Ministério da Defesa da Rússia anunciou nesta segunda-feira (13) a realização de exercícios militares na região de Astrakhan, no sul do país, no final de julho. O treinamento incluirá lançamento de mísseis do complexo Iskander-M.


Sputnik

Segundo um comunicado, do Distrito Militar do Sul o exercício acontecerá “no âmbito da formação de subunidades” e contará com disparos “contra alvos terrestres e equipamentos de infraestrutura de um inimigo imaginário localizado a uma distância de até 300 quilômetros”.


Sistema de mísseis Iskander-M.
© Sputnik/ Alexei Danichev

O sistema Iskander-M (SS-26 Stone, segundo a classificação da OTAN) é um complexo tático-operacional com elevada mobilidade e capacidade de manobra, sendo considerado um dos mais avançados mísseis terra-terra da atualidade. Atinge alvos a 500 quilômetros com uma precisão de 30 centímetros, visto que podem ser controlados ao longo de toda a trajetória. Se necessário, podem levar ogivas nucleares.


Postar um comentário