Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Radicais sírios estariam recebendo armamento dos EUA através da fronteira com Jordânia

Enquanto o exército sírio parece estar pronto para uma grande ofensiva na província de Daraa, os grupos radicais que operam na região estariam recebendo grandes remessas de material bélico "Made in USA".
Sputnik

Os grupos militantes que atuam no sul da Síria receberam uma grande quantidade de armas e munições fabricadas nos EUA, incluindo mísseis antitanque TOW, informou a agência de notícias FARS.

De acordo com a FARS, o armamento foi entregue através da fronteira com a Jordânia no âmbito de um novo plano dos EUA para assegurar mais apoio a estes grupos na Síria.

A agência informou também que os grupos militantes na província de Daraa começaram a se preparar para impedir a ofensiva do exército sírio.

No início deste mês, o exército sírio intensificou as ações no sudoeste do país, controlado por radicais, perto da fronteira com a Jordânia e as Colinas de Golã, ocupadas por Israel.

O Ministério da Defesa da Rússia acrescentou que as forças do governo sírio, apoiadas por um grande a…

Rússia fará exercícios com disparo de mísseis do complexo Iskander-M

O Distrito Militar do Sul do Ministério da Defesa da Rússia anunciou nesta segunda-feira (13) a realização de exercícios militares na região de Astrakhan, no sul do país, no final de julho. O treinamento incluirá lançamento de mísseis do complexo Iskander-M.


Sputnik

Segundo um comunicado, do Distrito Militar do Sul o exercício acontecerá “no âmbito da formação de subunidades” e contará com disparos “contra alvos terrestres e equipamentos de infraestrutura de um inimigo imaginário localizado a uma distância de até 300 quilômetros”.


Sistema de mísseis Iskander-M.
© Sputnik/ Alexei Danichev

O sistema Iskander-M (SS-26 Stone, segundo a classificação da OTAN) é um complexo tático-operacional com elevada mobilidade e capacidade de manobra, sendo considerado um dos mais avançados mísseis terra-terra da atualidade. Atinge alvos a 500 quilômetros com uma precisão de 30 centímetros, visto que podem ser controlados ao longo de toda a trajetória. Se necessário, podem levar ogivas nucleares.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas