Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Putin passa para Trump a responsabilidade de resolver conflito na Síria

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, passou a bola para que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, seja o responsável por resolver o conflito na Síria.
EFE

Helsinque - Em entrevista coletiva conjunta realizada nesta segunda-feira, em Helsinque, após a primeira cúpula entre os dois líderes, Putin também deu para Trump uma bola oficial da Copa do Mundo.

"No que se refere ao fato de a bola da Síria estar no nosso telhado, senhor presidente, o senhor acaba de dizer que organizamos com sucesso o Mundial de Futebol. Portanto, quero agora entregar esta bola. Agora, a bola está do seu lado", disse Putin.

O presidente russo fazia uma referência a uma frase do secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, que havia afirmado que a bola para resolver o conflito na Síria estava no telhado do Kremlin.

Trump agradeceu pelo presente e disse estar confiante de que EUA, México e Canadá organizarão em 2026 uma Copa do Mundo tão bem-sucedida como a da Rússia.

Na sequência, o presidente americ…

Irã pode trocar petróleo por caças chineses

O Irã supostamente irá permitir à China explorar o seu maior campo petrolífero por duas décadas em troca de 24 caças chineses da quinta geração Chengdu J-10 no quadro de um acordo de montante estimado de um milhão de dólares, diz o jornal taiwanês Want Daily.


Sputnik

Se ambos os países concordarem que o acordo é um fato consumado, e nenhum deles fez isso até o momento, o Irã será o segundo país a operar a versão de exportação do J-10. Em 2009 Pequim vendeu 36 caças J-10B ao Paquistão por 1.4 bilhões de dólares, sublinha Watch China Times. 




Por ironia do destino, o J-10 pode ser baseado em caças Lavi desenhados pelo Israel e os EUA nos anos oitenta.

O campo petrolífero de Azadegan é situado perto da fronteira com o Iraque e produz cerca de 40 mil barris de petróleo bruto por dia. O campo é operado pela Companhia Nacional Petrolífera Iraniana (NIOC, na sigla em inglês) e segundo relatos é o maio campo descoberto no Irã nos últimos 30 anos.

A China que é o maior importador do petróleo iraniano, não é um novato quando lembrarmos do campo petrolífero de Azadegan.

Em 2009, a Corporação Petrolífera da China (CNPC, na sigla em inglês) assinou um contrato de 2,5 bilhões de dólares com a NIOC para explorar o campo petrolífero de Azadegan do Sul com um projeto de produzir 75 mil barris por dia durante 25 anos, escreve o jornal chinês China Daily. A CNPC posteriormente suspendeu o trabalho no projeto por causa das sanções ocidentais contra o Irã e a expansão da China no que a agência Reuters chamou de “ambientes mais facilmente operados” na África, Ásia, Oriente Médio e América do Norte.

Embora o Irã tenha terminado o acordo em 2014, a CNPC continuou a ser envolvida no desenvolvimento do campo petrolífero do Azadegan do Norte no quadro de acordo de dois bilhões de dólares assinado em 2009. O projeto que durará 12 anos entrara na primeira das suas duas fases em outubro, diz Reuters.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas