Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Militares dos EUA prometem responder a possível ataque turco contra cidade síria de Manbij

Os militares norte-americanos prometeram responder a qualquer ataque contra a cidade síria de Manbij à luz de uma possível operação turca na área, afirmou o comandante do Conselho Militar de Manbij, que faz parte das Forças Democráticas da Síria (FDS), Ebu Adil.
Sputnik

Em entrevista à Sputnik Turquia, Ebu Adil comentou a resposta dos EUA às preocupações expressas pelos representantes do Conselho Militar de Manbij devido a um possível ataque contra a cidade síria por parte de Ancara.


"Há dois anos, em conjunto com as forças da coalizão liderada pelos EUA, nós limpamos Manbij do Daesh [organização terrorista proibida na Rússia e em vários outros países]. Desde então, na cidade se encontram forças da coalizão. Algum tempo atrás, nós falamos com os militares norte-americanos sobre um possível ataque da Turquia contra Manbij. Os militares dos EUA prometeram responder a qualquer ataque contra a cidade, de onde quer que ele provenha", afirmou o comandante do conselho.

Além disso, ele …

Drone-stealth para voo a grande altitude sairá do papel em 2016

Autonomia, invisibilidade e voos acima de 10 mil metros são características previstas. Modelo será o primeiro veículo aéreo não tripulado da Rússia para grandes altitudes e com grande autonomia de voo.


TATIANA RUSSAKOVA | GAZETA RUSSA

Um novo veículo aéreo não tripulado com tecnologia stealth para voos a grande altitude está sendo desenvolvido pelo Instituto Central de Aero-Hidrodinâmica Jukóvski, em parceria com a Fábrica Miassichev de Engenharia Mecânica Experimental.


UAV_stealth
Trabalhos de pesquisa e desenvolvimento do Obzor-1 serão concluídos em 2016 Foto:Press Photo

Os trabalhos de pesquisa e desenvolvimento do drone, sob o nome de código Obzor-1, serão concluídos em 2016. Em seguida começará a criação do primeiro protótipo.

O Obzor-1, cujo nome poderia ser traduzido por “visão geral”, terá asa alongada com elevada relação de carga, o que aumenta as características aerodinâmicas do veículo.

Embora não se tenha mais detalhes do projeto, o programa estatal de armamento da Rússia define que a autonomia de voo do drone se estenda por, pelo menos, 24 horas, e a altitude de voo não seja inferior a 10 mil metros.

A Rússia não dispõe hoje de um veículo aéreo não tripulado para grandes altitudes e com grande autonomia de voo. O drone Orion-2, da Kronstadt, consegue voar entre 20 a 60 horas, mas é projetado para voos a altitudes médias.


Postar um comentário