Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

VÍDEO mostra fragata norueguesa afundando, tendo colidido após manobras da OTAN

A mídia divulgou novos vídeo e fotos da fragata norueguesa KMN Helge Ingstad, que colidiu com o navio petroleiro Sola TS junto à costa norueguesa em circunstâncias desconhecidas ao regressar das manobras da OTAN.
Sputnik

A fragata ficou com um grande rombo a estibordo atravessando a linha de água, sete marinheiros ficaram feridos. A tripulação abandonou o navio acidentado, que depois foi rebocado para águas menos profundas para evitar seu afundamento total.


Uns dias após o acidente (8), a fragata continua parcialmente acima da superfície da água, mas está completamente assente no fundo. Mais de 10 toneladas de combustível para helicópteros vazou para o mar.

Até o momento, não há nenhumas informações sobre o estado do armamento a bordo, incluindo mísseis de cruzeiro e antiaéreos, torpedos e artilharia.

O petroleiro Sola TS, por sua parte, não sofreu nenhum dano durante a colisão.

As razões do incidente estão sendo investigadas. Entre as possíveis causas estão a navegação da fragata em reg…

Rússia desenvolve drone para 'caçar' o F-35

A Rússia projeta um avião não tripulado para detectar e destruir aviões furtivos como o caça americano F-35, segundo relatam veículos de imprensa citando um representante do consórcio russo KRET.


Sputnik

O diretor-geral adjunto do consórcio, Vladimir Mikheev, afirmou que o KRET participa do projeto e desenvolve o radar, os sistemas de guerra eletrônica e as estações terrestres de controle.

Caça F-35
F-35 Lightning II © flickr.com/ Samuel King Jr

O drone tem como objetivo “caçar” aviões como o F-22, o F-35 e o B-2, assim como o ambicioso programa chinês Águia Divina, que, segundo Mikheev, é baseado em tecnologias russas e americanas. O drone chinês vem sendo descrito como a maior aeronave não tripulada já projetada.

Em julho do ano passado, foi revelado que a China já testava o Águia Divina, também capaz de localizar aviões de espionagem que custam milhões de dólares ao Pentágono. O F-35, por exemplo, é o caça de quinta geração mais caro da história e desde 2001 já custou US$ 391 milhões aos EUA, segundo números do Pentágono.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas