Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

China: 'Relatório do Pentágono distorce nossas intenções estratégicas'

A China rejeita firmemente as conclusões do relatório do Departamento de Defesa dos EUA sobre a situação militar e de segurança no país asiático, disse em comunicado o porta-voz do Ministério da Defesa chinês, Lu Kang.
Sputnik

"Em 17 de agosto, o Departamento de Defesa dos Estados Unidos divulgou o relatório sobre a situação militar e de segurança na China, interpretando mal as intenções estratégicas da China e apresentando a chamada ‘ameaça militar chinesa' […] Os militares chineses expressam sua firme oposição a esse respeito", diz a declaração.

"As alegações do relatório dos EUA são pura especulação", disse Kang, explicando que o programa de modernização do Exército chinês se destina a defender "os interesses da soberania, segurança e desenvolvimento do país" e para "providenciar a paz, estabilidade e prosperidade globais".

O porta-voz do ministério chinês também reiterou a posição firme de seu país em relação a Taiwan, que ele definiu como u…

Com auxílio russo, exército sírio liberta vale e vilas ocupados por terroristas

O exército sírio continua a avançar e retomar territórios tomados por terroristas em seu país. Nos últimos dias, as forças sírias libertaram um vale localizado a cerca de 25 quilômetros da cidade de Idlib, além de duas vilas próximas à fronteira com a Turquia, confirmaram neste sábado oficiais do país.


Sputnik

“Um pequeno vale o norte da província de Hama foi totalmente libertado. Como resultado de nossa ofensiva, os militantes deixaram para trás uma dúzia de assentamentos realizados aqui”, explicou o general Samir Suleiman, chefe político do exército sírio. 


Soldado sírio com a bandeira do país em montanha perto de Kessab, na fronteira com a Turquia
© Sputnik/ Andrei Stenin

Suleiman afirmou ainda que as forças de seu país agora realizam uma operação de limpeza e extração de minas na região.

“Em algumas cidades, em particular al-Basha, encontramos uma rede de túneis subterrâneos construídos pelos terroristas”, disse o general, lembrando que terroristas da Frente Nusra vêm operando na região.

Ataques aéreos russos destruíram depósitos de munição e bases dos militantes no vale e na cidade de Jisr al-Shughur. A operação da Rússia reduziu a capacidade de combate dos terroristas e deu ao exército sírio a chance de atacar, afirmou o general.

As duas vilas libertadas ficam na província de Latakia. “Começamos a ofensiva na madrugada, entrando pelo sábado, e agora posso dizer com precisão que… (duas vilas) localizadas a quatro quilômetros de nós (vila de Aramo) foram totalmente varridas, e o avanço continua”, disse uma fonte à Sputnik.

Caças russos Sukhoi Su-25, Su-24M e Su-34, com o apoio de aviões Su-30, começaram ataques precisos contra alvos do Estado Islâmico na Síria no dia 30 de setembro, após um pedido do presidente do país, Bashar Assad. Até agora, a aviação russa já bombardeou mais de 100 posições terroristas, destruindo postos de comando, campos de treinamento e arsenais.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas