Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Brasil comemora 20 anos do fim do conflito entre Peru e Equador

O Brasil irá comemorar nesta terça-feira os 20 anos do fim dos conflitos na fronteira entre Peru e Equador, que se prolongaram por quase 170 anos e que causaram várias guerras, tensões e enfrentamentos entre ambos os países.
EFE

Brasília - O Acordo Global e Definitivo de Paz entre Equador e Peru foi assinado em 26 de outubro de 1998 em Brasília, que voltará a ser palco de um encontro entre representantes dessas duas nações, mas agora para reafirmar "o valor e a eficácia da diplomacia e da solução pacífica de controvérsias", diz o comunicado do Ministério das Relações Exteriores.

A cerimônia contará com a participação do equatoriano José Ayala Lasso e do peruano Fernando de Trazegnies Granda, que eram os chanceleres de seus países na ocasião da assinatura e tiveram participação ativa nas negociações, e será presidido pelo ministro das Relações Exteriores Aloysio Nunes.

Segundo a nota oficial, a comemoração "também evidencia, uma vez mais, a capacidade regional de responder e…

Crimeia informa: todos recrutadores do Estado Islâmico fugiram para a Ucrânia

Os radicais envolvidos no recrutamento de muçulmanos da Crimeia para as filas do Estado Islâmico fugiram da península para a Ucrânia, informou nesta segunda-feira o representante do governo da Crimeia Zaur Smirnov.


Sputnik

"Todos que podiam estar potencialmente implicados com o recrutamento abandonaram a Crimeia e não podem retornar de maneira alguma", assegurou Smirnov, que disse ainda ser impossível praticar esse tipo de atividade na Crimeia nos dias de hoje.


Mapa político mostrando Crimeia como parte da Federação Rússa
© Sputnik/ Andrey Iglov

O representante do governo disse ainda que essas pessoas se encontram atualmente em território ucraniano, onde continuam a realizar suas tarefas de propaganda entre os muçulmanos ucranianos.

A Crimeia se converteu em região da Rússia após o referendo de maço de 2014, no qual a grande maioria dos habitantes da península votou a favor da reintegração com Moscou.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas