Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Caça F-22 dos EUA faz pouso de emergência no Alasca

Nesta quarta-feira (11), um caça de quinta geração F-22 Raptor da Força Aérea dos EUA fez um pouso de emergência em uma base militar no Alasca, de acordo com a agência AP.
Sputnik

De acordo com a agência, a aeronave aterrissou na base de Elmendorf-Richardson, na cidade de Anchorage, devido a uma falha no funcionamento do chassi de aterrissagem.

As imagens do acidente divulgadas pelo Facebook demonstram que uma das rodas não saiu e a aeronave acabou pousando sobre sua asa esquerda.

O piloto saiu ileso. Entretanto, a porta-voz da Força Aérea dos EUA, Erin Eaton, informou sobre o início de uma investigação da ocorrência.

Outros acidentes

O avião F-22 é um caça bimotor monolugar produzido pela corporação norte-americana Lockheed Martin. A Força Aérea dos EUA conta com 186 aeronaves do modelo.

Em abril, foi registrada uma falha de motor em um F-22 durante a decolagem da base aérea de Fallon, como resultado a aeronave acabou caindo sobre a pista.

Outro acidente, que também ocorreu em abril, teve lu…

Em Moscou, Assad agradece apoio à unidade da Síria

Durante visita a Moscou, o presidente sírio Bashar al-Assad falou ao líder russo Vladímir Pútin sobre os planos das tropas do governo e expressou gratidão pela ajuda prestada.


EKATERINA SINELSCHIKOVA | GAZETA RUSSA

O presidente sírio, Bashar al-Assad, esteve em Moscou na tarde de terça-feira (20) para conversar com seu homólogo russo, Vladímir Pútin, sobre a situação na Síria e os planos futuros. Autoridades da mais alta esfera governativa da Rússia estiverem presentes no encontro.


Assad (esq.) e Pútin durante recente encontro no Kremlin Foto:TASS

Em uma declaração à parte, Assad agradeceu ao povo russo pelo apoio prestado. “Antes de tudo, gostaria de expressar a minha gratidão a toda a liderança da Rússia e ao povo russo pela ajuda que têm prestado à Síria”, disse.

“Obrigado por serem a favor da unidade da Síria e sua independência. O mais importante é que tudo isso é feito respeitando o direito internacional”, acrescentou.

Ainda segundo o presidente sírio, os acontecimentos no país só não seguiram um cenário ainda mais trágico graças às medidas políticas tomadas pela Rússia.



Postar um comentário

Postagens mais visitadas