Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Adeus a tecnologias 'stealth': novo radar russo pode detectar aviões furtivos

Tecnologias russas capazes de detectar aviões furtivos do inimigo podem vir a fazer parte do sistema da defesa antiaérea unida da OTSC – Organização do Tratado de Segurança Coletiva, declarou o chefe do Estado-Maior Conjunto da aliança, Anatoly Sidorov.
Sputnik

Inovações russas capazes de desativar tecnologias furtivas do inimigo podem vir a ser usadas na criação do sistema de defesa antiaérea unida da OTSC, declarou militar, citado pelo jornal Rossiyskaya Gazeta. Sidorov comentou que essas inovações seriam eficazes tanto contra aviação do inimigo como contra ataques com mísseis.



O sistema Rezonans-NE funciona graças ao princípio de reflexão ressonante de ondas de rádio da superfície de aparelhos aéreos, facilitando vigilância de aeronaves e mísseis do inimigo, explicou Aleksandr Scherbinko, vice-diretor executivo da empresa de design Rezonans.

"Este modelo pode ser de grande interesse, levando em consideração criação do sistema de defesa antiaérea unida da OTSC, cuja inauguração est…

Estado Islâmico divulga vídeo de decapitação gravado por drone

O grupo terrorista Estado Islâmico divulgou a execução de um iraquiano na província de Anbar em um vídeo de alta resolução gravado com a ajuda de um drone, segundo informou o portal International Business Times.


Sputnik

A gravação mostra um jovem de cerca de 20 anos, com os olhos vendados e ajoelhado em uma praça cercada de espectadores. A cena grotesca se passa presumivelmente na cidade de Ramadi, na província iraquiana de Anbar. 




De acordo com a sentença enunciada no vídeo por um juiz da Sharia – a rigorosa lei islâmica pregada pelos terroristas sunitas nos territórios sob seu controle –, o homem será decapitado em público por ter “insultado Alá”.

Em seguida, o drone começa lentamente a ganhar altura enquanto o carrasco levanta sua espada sobre o pescoço da vítima. Na última imagem, o corpo do jovem iraquiano aparece deitado em uma poça de sangue.

As forças de segurança do Iraque, apoiadas pelos ataques aéreos da coalizão liderada pelos EUA, conduzem uma vasta operação a oeste de Ramadi, que se encontra sob o domínio do Estado Islâmico desde maio.


Postar um comentário