Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Troféus de guerra: tecnologias militares desviadas nos últimos 20 anos

A espionagem na indústria militar é uma das formas mais eficazes de obter a tecnologia que não se possui. Na guerra invisível conduzida pelos serviços secretos todos os meios são usados.
Sputnik

A Sputnik conta sobre as tecnologias das quais, em vários momentos, os governos conseguiram se apropriar. 

Drone desaparecido

Em 4 de dezembro de 2011, o mais novo drone stealth norte-americano RQ-170 Sentinel desapareceu no oeste do Afeganistão. Segundo o Pentágono, alguém "cortou" o canal de comunicação entre o drone e o operador. Cinco dias depois, um veículo aéreo não tripulado com características de design semelhantes foi apresentado na televisão iraniana. Ainda não se sabe exatamente como o controle do drone foi interceptado. Especialistas acreditam que isso não poderia ter acontecido sem um moderno sistema de guerra eletrônica entregue ao Irã pela Rússia ou China. Não há informações oficiais sobre esse assunto.

O ex-presidente dos EUA, Barack Obama, apelou às autoridades da Repúbl…

Estado Islâmico divulga vídeo de decapitação gravado por drone

O grupo terrorista Estado Islâmico divulgou a execução de um iraquiano na província de Anbar em um vídeo de alta resolução gravado com a ajuda de um drone, segundo informou o portal International Business Times.


Sputnik

A gravação mostra um jovem de cerca de 20 anos, com os olhos vendados e ajoelhado em uma praça cercada de espectadores. A cena grotesca se passa presumivelmente na cidade de Ramadi, na província iraquiana de Anbar. 




De acordo com a sentença enunciada no vídeo por um juiz da Sharia – a rigorosa lei islâmica pregada pelos terroristas sunitas nos territórios sob seu controle –, o homem será decapitado em público por ter “insultado Alá”.

Em seguida, o drone começa lentamente a ganhar altura enquanto o carrasco levanta sua espada sobre o pescoço da vítima. Na última imagem, o corpo do jovem iraquiano aparece deitado em uma poça de sangue.

As forças de segurança do Iraque, apoiadas pelos ataques aéreos da coalizão liderada pelos EUA, conduzem uma vasta operação a oeste de Ramadi, que se encontra sob o domínio do Estado Islâmico desde maio.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas