Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Putin passa para Trump a responsabilidade de resolver conflito na Síria

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, passou a bola para que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, seja o responsável por resolver o conflito na Síria.
EFE

Helsinque - Em entrevista coletiva conjunta realizada nesta segunda-feira, em Helsinque, após a primeira cúpula entre os dois líderes, Putin também deu para Trump uma bola oficial da Copa do Mundo.

"No que se refere ao fato de a bola da Síria estar no nosso telhado, senhor presidente, o senhor acaba de dizer que organizamos com sucesso o Mundial de Futebol. Portanto, quero agora entregar esta bola. Agora, a bola está do seu lado", disse Putin.

O presidente russo fazia uma referência a uma frase do secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, que havia afirmado que a bola para resolver o conflito na Síria estava no telhado do Kremlin.

Trump agradeceu pelo presente e disse estar confiante de que EUA, México e Canadá organizarão em 2026 uma Copa do Mundo tão bem-sucedida como a da Rússia.

Na sequência, o presidente americ…

Rússia ataca Q.G. do Estado Islâmico em Aleppo, destrói posto de comando e 20 tanques

Aeronaves russas destruíram três de sistemas de lançamento múltiplo de foguetes do Estado Islâmico e cerca de 20 tanques na Síria, de acordo com comunicado do Ministério da Defesa russo nesta segunda-feira (5).


Sputnik

Segundo a nota, dois caças Su-25 alvejaram o quartel-general dos jihadistas na cidade de Aleppo, bem como um posto de comando no topo da montanha de Jebel Batra.


Caça Su-34
Sukhoi Su-34

Além disso, mais de 20 tanques foram destruídos por um Su-34 na província de Homs.

Os aviões de combate do grupo aéreo russo implantado na Síria realizaram 15 missões nesta segunda-feira, atingindo dez alvos do grupo terrorista em várias partes do país, segundo disse o Ministério da Defesa russo.

O porta-voz Major General Igor Konashenkov destacou que os resultados do ataque aéreo foram confirmados por dados de reconhecimento sólidos, incluindo comunicações interceptadas entre os extremistas islâmicos.

Todos os ataques da Força Aérea Russa na Síria são direcionados para a desorganização do sistema de comando e de apoio técnico do Estado Islâmico, acrescentou Konashenkov.





Postar um comentário

Postagens mais visitadas