Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Exército sírio bombardeia terroristas restantes no sul do país (VIDEO)

O exército sírio retomou os ataques de artilharia maciços contra os terroristas restantes na região de Tulul al Safa no deserto de As-Suwayda, no sul do país, depois de eles terem violado a trégua, segundo uma fonte do Exército.
Sputnik

De acordo com uma fonte que falou com a Sputnik Árabe, na terça-feira (16), o Exército sírio e os terroristas que ocupam as colinas de Tulul al Safa firmaram um acordo de cessar-fogo, segundo o qual os combatentes da Frente al-Nusra (organização terrorista proibida na Rússia e em vários outros países) se comprometeram a entregar as armas depois de serem cercados e sem saída.


Contudo, na manhã da quarta-feira (17) os terroristas atacaram as unidades do Exército sírio. Por sua vez, os soldados repeliram o ataque com êxito e contra-atacaram. Como resultado, dezenas de militantes foram mortos ou feridos. O Exército resolveu retomar os ataques maciços com peças de artilharia apoiadas do ar, tendo como objetivo eliminar as forças terroristas restantes até a épo…

Rússia convoca embaixador francês devido a incidente aéreo na França

O Ministério de Relações Exteriores da Rússia convocou o embaixador francês na Rússia por causa do incidente aéreo envolvendo um caça francês e um avião que transportava deputados russos.


Sputnik

"Em 19 de outubro, o embaixador da França em Moscou, Jean-Maurice Ripert, foi convocado para uma reunião com o ministro adjunto das Relações Exteriores da Federação Russa Aleksei Meshkov para dar explicações em relação à quase colisão, ocorrida no espaço aéreo da França na manhã do mesmo dia, entre o avião da Força Aérea francesa e uma aeronave que transportava uma delegação parlamentar russa encabeçada pelo presidente da Duma de Estado, Sergei Naryshkin. A delegação se dirigia a Genebra para assistir à 133ª sessão da Assembleia da União Interparlamentar", diz-se no comunicado.


Ministério das Relações Exteriores da Rússia
Ministério das Relações Exteriores da Rússia © AFP 2015/ ALEXANDER NEMENOV

Foi destacado que tais ações minam a possibilidade de realizar reuniões multilaterais e negociações em França.

O membro da delegação russa Sergei Gavrilov disse à Sputnik que o avião francês manobrou de forma perigosa perto da aeronave da delegação russa.

O deputado expressou a certeza de que o diálogo construtivo com os deputados franceses é possível apesar do incidente.

“Esperamos um pleno entendimento mútuo com o parlamento francês, apesar de que hoje a Força Aérea francesa agiu de forma extremamente inamistosa em relação ao avião que transportava a delegação russa. Um dos caças manobrou perigosamente muito próximo do avião russo. Acho que nem na altura de Mitterand, nem na altura de Gaulle ou mesmo de Sarkozy tal incidente seria possível”, disse à Sputnik.

Entretanto, o Ministério de Relações Exteriores francês disse que o avião envolvido no incidente no espaço aéreo francês era suíço, informa a Reuters.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas