Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Pyongyang: 3 porta-aviões perto da Coreia do Norte são uma ameaça de guerra nuclear

A ONU "fecha os olhos aos exercícios de guerra nuclear dos EUA, que estão empenhados em causar um desastre catastrófico para a humanidade", declarou o embaixador norte-coreano na ONU, Ja Song-nam.
Sputnik

As autoridades norte-coreanas classificaram na segunda (13) o deslocamento sem precedentes de 3 grupos de porta-aviões dos EUA para a zona da península da Coreia como uma "postura de ataque".


O representante norte-coreano permanente na ONU, Ja Song-nam, expressou em uma carta enviada ao secretário-geral da ONU o descontentamento do seu governo com os exercícios militares de Seul, Tóquio e Washington. Estes, segundo o diplomata, estão criando "a pior situação para a península da Coreia e seus arredores".

"Os EUA são os principais responsáveis por escalar as tensões e comprometer a paz", declarou Ja Song-nam.

Além da presença de 3 porta-aviões estadunidenses (Nimitz, Ronald Reagan e Theodore Roosevelt), Washington continua realizando voos de bombarde…

Rússia inicia exercícios militares de larga escala no sul do país

Cerca de 1.200 militares da infantaria motorizada foram colocados em alerta no início de manobras militares com práticas de tiro, informou o serviço de imprensa do Distrito Militar do Sul.


Sputnik

"Foram utilizadas mais de 250 unidades de material bélico e equipamentos especiais, inclusive carros de combate modernizados T-72B3, obuseiros autopropulsados Gvozdika, lançadores múltiplos Grad, caças Su-34 e dois helicópteros Mi-35M", diz o comunicado.


Tanque modernizado de las Fuerzas Armadas de Rusia T-72B3
T-72 B3© Sputnik/ Kirill Braga

As unidades em questão já realizaram um avanço de 500km até a zona das manobras na província de Volgogrado, repelindo um ataque aéreo "inimigo" e de um "grupo de reconhecimento e sabotagem."

"Os grupos táticos (…) praticarão a defesa e o avanço, a perseguição do inimigo em retirada, as manobras e a saída do combate", diz o texto.

Na final, os participantes realizarão disparos reais com vários tipos de armas e lançadores de granadas contra alvos que simulam carros de combate e soldados inimigos.


Postar um comentário