Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Erdogan diz que Turquia continuará operação na Síria, pactuada com Moscou

O presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, afirmou nesta segunda-feira que seu país não interromperá sua operação militar lançada no sábado contra as milícias curdas aliadas dos Estados Unidos no norte da Síria e insistiu que esta operação está pactuada com a Rússia.
EFE

"Não vamos retroceder em Afrin. Falamos com os russos e há consenso", disse o político islamita em relação à região do norte da Síria nas mãos das milícias curdas Unidades de Proteção do Povo (YPG), que Ancara considera terroristas e aliadas da guerrilha curda da Turquia, o PKK.


Erdogan voltou a acusar os EUA de armar e apoiar as YPG, aliadas de Washington contra o grupo jihadista Estado Islâmico.

"Não são honestos conosco. Continuaremos o nosso caminho no marco das conversações que mantemos com a Rússia", apontou.

"Queríamos comprar armas (com os EUA). Não nos deram e entregaram as mesmas armas a organizações terroristas. Que tipo de aliança estratégica é essa?", afirmou o presidente da T…

USAF envia A-10 para substituir F-16 na luta contra o EI

Poder Aéreo

Elissa Smith, porta-voz do Departamento de Defesa dos EUA, confirmou na terça-feira (20) que os EUA já enviaram aviões de ataque A-10 para a Turquia após a agência de notícias francesa AFP relatar a chegada de 12 A-10 à base de Incirlik.




Os aviões e as tripulações são provenientes do 75º Esquadrão de Caça baseado na Base Aérea de Moody, na Geórgia, informou Smith. Eles substituirão seis caças F-16 que voavam missões de combate contra o Estado islâmico a partir de Incirlik desde agosto deste ano.

“A-10 já voaram missões sobre a Síria”, disse Smith.

E em novembro passado alguns A-10 do 163º Esquadrão da Guarda Aérea Nacional de Indiana foram enviados ao Sudeste Asiático para voar missões contra o EI.

Além dos aviões enviados para Incirlik, outros 12 A-10 do 74° Esquadrão de Caça, também baseado em Moody, foram enviados para a Estônia em setembro como parte de um pacote de segurança no teatro na Europa.



Postar um comentário