Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Exército sírio bombardeia terroristas restantes no sul do país (VIDEO)

O exército sírio retomou os ataques de artilharia maciços contra os terroristas restantes na região de Tulul al Safa no deserto de As-Suwayda, no sul do país, depois de eles terem violado a trégua, segundo uma fonte do Exército.
Sputnik

De acordo com uma fonte que falou com a Sputnik Árabe, na terça-feira (16), o Exército sírio e os terroristas que ocupam as colinas de Tulul al Safa firmaram um acordo de cessar-fogo, segundo o qual os combatentes da Frente al-Nusra (organização terrorista proibida na Rússia e em vários outros países) se comprometeram a entregar as armas depois de serem cercados e sem saída.


Contudo, na manhã da quarta-feira (17) os terroristas atacaram as unidades do Exército sírio. Por sua vez, os soldados repeliram o ataque com êxito e contra-atacaram. Como resultado, dezenas de militantes foram mortos ou feridos. O Exército resolveu retomar os ataques maciços com peças de artilharia apoiadas do ar, tendo como objetivo eliminar as forças terroristas restantes até a épo…

USAF envia A-10 para substituir F-16 na luta contra o EI

Poder Aéreo

Elissa Smith, porta-voz do Departamento de Defesa dos EUA, confirmou na terça-feira (20) que os EUA já enviaram aviões de ataque A-10 para a Turquia após a agência de notícias francesa AFP relatar a chegada de 12 A-10 à base de Incirlik.




Os aviões e as tripulações são provenientes do 75º Esquadrão de Caça baseado na Base Aérea de Moody, na Geórgia, informou Smith. Eles substituirão seis caças F-16 que voavam missões de combate contra o Estado islâmico a partir de Incirlik desde agosto deste ano.

“A-10 já voaram missões sobre a Síria”, disse Smith.

E em novembro passado alguns A-10 do 163º Esquadrão da Guarda Aérea Nacional de Indiana foram enviados ao Sudeste Asiático para voar missões contra o EI.

Além dos aviões enviados para Incirlik, outros 12 A-10 do 74° Esquadrão de Caça, também baseado em Moody, foram enviados para a Estônia em setembro como parte de um pacote de segurança no teatro na Europa.



Postar um comentário

Postagens mais visitadas