Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Morte made in Brazil: conflitos no Oriente Médio alavancam exportação de armamento do país

Uma missão árabe chegou ao Brasil interessada na compra de cargueiros KC-390 fabricados pela Embraer. A visita é resultado do esforço do Grupo Parlamentar Brasil-Arábia Saudita, criado no início deste mês, para aproximar os dois países no campo de defesa militar.
Sputnik

O KC-390 vai substituir os Hércules C-130 da Força Aérea Brasileira (FAB), é o maior avião produzido na América e foi concebido como um jato militar de transporte, anunciado pela primeira vez na edição de 2007 da Latin America Aero & Defence (LAAD), no Rio de Janeiro. A produção do avião, com capacidade para 23 toneladas de carga, envolve parcerias com fornecedores de peças de Argentina, Portugal e República Tcheca. Com um custo unitário de US$ 85 milhões, o KC-390, em fase final de testes, tem recebido propostas de compra de vários países.



A compra do cargueiro, porém, é apenas um detalhe na exportação brasileira de armamentos não só para a Arábia Saudita, como também para vários países do Oriente Médio e do Norte d…

Exército reforça abastecimento em 76 cidades piauienses afetadas pela seca

Ao todo, 167 municípios decretaram estado de emergência no estado.
Cerca de 600 pipeiros foram contratados, que atenderam 305 mil pessoas.


Do G1 PI

Um total de 76 cidades do Piauí que decretaram emergência por conta da estiagem contarão com reforço do Exército Brasileiro na distribuição de água através de carros-pipa.



Segundo o general Manoel Luiz Pafiadache, comandante da 3ª Região Militar do Nordeste, o serviço está em planejamento. A solicitação do abastecimento deve ser feita pelo próprio município, ao decretar situação de emergência junto ao Ministério da Integração Nacional.

"A operação emergencial existe há 16 anos e abrange todo o semiárido que vai do Norte de Minas Gerais até o Piauí. São cerca de 870 municípios apoiados e contratados 6.500 pipeiros, que atendem mais de três milhões de pessoas", explicou.

No Piauí, apesar de 167 municípios terem decretado situação de emergência, apenas 76 cidades contarão com o reforço. Para o serviço foram contratados 600 pipeiros, que atenderão 305 mil pessoas.

"Infelizmente temos que trabalhar com pior hipótese do clima, que deve continuar nesta seca em 2016. A única diferença que pode ocorrer é de novas cidades entrarem em emergência. Neste momento vamos atender 76 municípios, porque os demais estão sendo avaliados", disse o general.


Postar um comentário