Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Força Aérea israelense anuncia estreia global do caça F-35 em combate

Israel foi o primeiro país ao qual os Estados Unidos autorizaram a venda do caça invisível
Juan Carlos Sanz | El País
Jerusalém - A Força Aérea de Israel revelou nesta terça-feira que foi a primeira a utilizar em combate o F-35, o ultramoderno caça furtivo indetectável para os radares inimigos. O chefe da aeronáutica israelense, general Amikam Nirkin, fez o comunicado aos comandantes das forças aéreas de vários países reunidos ao norte de Tel Aviv.

O general Nirkin mostrou a seus colegas – procedentes dos EUA, Itália, França, Índia e Brasil, entre outros países – a imagem de vários F-35 sobre Beirute, enquanto confirmava que esses aviões tinham participado de ataques em duas frentes.

“O esquadrão do F-35 está em operação e já sobrevoa todo o Oriente Médio”, afirmou o chefe da força aérea.

Nirkin reiterou que, há duas semanas, a Guarda Revolucionária iraniana disparou 32 foguetes contra as Colinas de Golã, planalto sírio ocupado por Israel desde 1967 e que, em resposta à agressão, a aviação…

F-14 da IRIAF interceptam Tu-95 russo a caminho da Síria (vídeo)

Poder Aéreo

Para a alegria de muitos aficionados em aviação de combate o Tomcat ainda está operacional. Um elemento (duas aeronaves) destes famosos caças foram filmados pelas tripulações dos bombardeiros russos Tu-95 que atacaram instalações do Estado Islâmico nesta semana. Os aviões pertenciam à IRIAF (Islamic Republic of Iran Air Force), segundo e último usuário de Tomcat.


F-14 da IRIAF intercepta Tu-95 russo 2

A imagem acima, obtida a partir do vídeo, mostra um F-14 aparentemente sem armamento externo. Possivelmente o canhão interno Vulcan de 20mm esteja operacional. Há informações de que os iranianos teriam feito engenharia reversa nos mísseis AIM-54 Phoenix criando o Fakour-90.



Postar um comentário