Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

No decorrer da operação Ramo de Oliveira será criada zona de segurança na Síria

O primeiro-ministro turco Binali Yildirim anunciou a criação, durante a operação militar turca na província síria de Afrin, de uma faixa de segurança de 30 quilômetros.
Sputnik

O premiê, citado pela emissora Haberturk, adiantou também que a operação seria efetuada em quatro etapas.


"A operação vai decorrer em 4 etapas com o objetivo de criar uma faixa de segurança de 30 quilômetros, que será limpa de terroristas", disse o político, citado pela emissora NTV.

Yildirim adiantou que até agora não há mortos ou feridos entre o contingente turco que realiza a operação.

Mais cedo, o Estado-Maior da Turquia anunciou o início da operação "Ramo de Oliveira" contra os grupos curdos na província síria de Afrin, que começou precisamente às 14h00 locais (12h00 no horário de Brasília). De acordo com a entidade militar, a operação conta com a participação de 72 aviões, enquanto 108 dos 113 alvos planejados já foram eliminados. Há poucos dias, o premiê turco, Binali Yildirim, havia avanç…

França fez dura condenação ao ataque da Turquia contra a Rússia no Conselho da OTAN

Paris condenou asperamente a derrubada do bombardeiro russo Su-24 por parte da Turquia durante a reunião do Conselho da OTAN em 24 de novembro, segundo revelou uma fonte diplomática nesta sexta-feira (27).


Sputnik

Após o incidente, a OTAN expressou solidariedade com a Turquia e ofereceu apoio para Ankara dizendo que as avaliações do incidente por parte da Aliança do Norte eram consistentes com as informações fornecidas pelo país, que alegou que o avião de guerra russo havia brevemente violado o espaço aéreo turco.


Presidente da Rússia Vladimir Putin e presidente da França François Hollande
Vladimir Putin e François Hollande © REUTERS/ Michel Euler

"A Grécia foi a primeira a se pronunciar no Conselho, e deu o tom para a discussão, porque as aeronaves turcas constantemente violam o espaço aéreo grego. Em seguida, o representante francês fez um discurso duro", disse a fonte à Sputnik, acrescentando que o apoio da OTAN não foi unânime.

Segundo a fonte, o representante de Paris disse que as atividades turcas estavam minando a operação contra o grupo terrorista Estado Islâmico.


Postar um comentário