Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Turquia adverte exército sírio contra entrada em Manbij

O comunicado foi divulgado poucos dias depois de pelo menos quatro soldados americanos terem sido mortos em um atentado suicida na cidade de Manbij, no norte da Síria, cuja responsabilidade foi assumida pelo Daesh (grupo terrorista proibido em Rússia e em vários outros países).
Sputnik

O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores turco, Hami Aksoy, alertou as Forças Armadas do governo sírio para que não tentassem entrar na cidade de Manbij, localizada no norte da Síria.


"Às Unidades de Proteção Popular curdas na Síria (YPG) não deveria ser permitido deixar que as forças do regime [do presidente sírio Bashar Assad] entrem em Manbij", disse Aksoy em uma entrevista coletiva na sexta-feira (18). Ele também destacou que "a retirada das tropas norte-americanas da Síria não deveria ajudar os terroristas das YPG e do Partido de União Democrática curdo (PYD)".

As declarações foram feitas depois que nesta quarta-feira (16) na cidade síria de Manbij ocorreu uma explosão em u…

Rússia: avião Su-24 derrubado estava no espaço aéreo sírio (vídeo)

Um avião russo Su-24 foi derrubado perto da fronteira turca, informa o Ministério da Defesa russo.


Sputnik

“Hoje no território da Síria, supostamente na sequência de disparos a partir do solo, acidentou um avião Su-24 do grupo aéreo russo na República Árabe da Síria”, diz o Ministério da Defesa da Rússia.


Link permanente da imagem incorporada

“O avião seguia à altitude de 6.000 metros. O destino dos pilotos está sendo investigado. Segundo os dados preliminares, os pilotos conseguiram catapultar-se. Também estão sendo investigadas as circunstâncias da queda do avião russo. O Ministério da Defesa sublinha, durante todo o voo, o avião se manteve sempre sobre o território da Síria. Isto foi fixado por meios de controle objetivos”, acrescentou o departamento militar.

De acordo com um oficial turco, o avião militar foi avisado antes de ser derrubado.

O avião pegou fogo no ar e caiu em território sírio.

Os dois pilotos do avião conseguiram se ejetar antes de o avião cair, de acordo com testemunhas citadas pela CNN turca.

Depois do acidente, o primeiro-ministro turco Ahmet Davutoglu enviou o ministro das Relações Exteriores turco para consultas com altos responsáveis da OTAN e da ONU sobre o que aconteceu na fronteira com a Síria.

O Ministério da Defesa da Rússia declarou que o avião derrubado não violou o espaço aéreo turco e realizava o voo estritamente sobre o território sírio.






Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas