Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Exército sírio bombardeia terroristas restantes no sul do país (VIDEO)

O exército sírio retomou os ataques de artilharia maciços contra os terroristas restantes na região de Tulul al Safa no deserto de As-Suwayda, no sul do país, depois de eles terem violado a trégua, segundo uma fonte do Exército.
Sputnik

De acordo com uma fonte que falou com a Sputnik Árabe, na terça-feira (16), o Exército sírio e os terroristas que ocupam as colinas de Tulul al Safa firmaram um acordo de cessar-fogo, segundo o qual os combatentes da Frente al-Nusra (organização terrorista proibida na Rússia e em vários outros países) se comprometeram a entregar as armas depois de serem cercados e sem saída.


Contudo, na manhã da quarta-feira (17) os terroristas atacaram as unidades do Exército sírio. Por sua vez, os soldados repeliram o ataque com êxito e contra-atacaram. Como resultado, dezenas de militantes foram mortos ou feridos. O Exército resolveu retomar os ataques maciços com peças de artilharia apoiadas do ar, tendo como objetivo eliminar as forças terroristas restantes até a épo…

Rússia pode usar meios de guerra eletrônica na Síria

A Rússia pode começar a usar meios de guerra eletrônica no espaço aéreo sírio para proteger os seus pilotos, disse general Yevgeny Buzhinsky.


Sputnik

A Rússia será obrigada a usar na Síria meios de combate radioeletrônico e usar aviões de missões especiais para prevenir incidentes parecidos com o que aconteceu na fronteira entre a Síria e a Turquia e assegurar voos seguros dos bombardeiros russos, disse o general Yevgeny Buzhinsky, ex-oficial do Ministério da Defesa russo.


Apresentação de sistema de neutralização radioelectrônica Leyer 2
Sistema de Neutralização Eletrônica Leyer 2 © Sputnik/ Vladimir Astapkovich

“Quanto às consequências que este incidente terá para o decorrer da operação [russa] no futuro, penso que os nossos pilotos prestarão mais atenção e, se os turcos continuarem comportar-se do mesmo modo, a Rússia será obrigada a usar meios de neutralização radioeletrônica e guerra eletrônica, bem como usar aviões de missões especiais para proteger os nossos pilotos contra disparos de mísseis”, afirmou o general.

Buzhinsky acrescentou que os meios de controle permitem determinar como e onde foi abatido o bombardeiro russo, excluindo divergências em relação a esta questão.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas