Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Adeus a tecnologias 'stealth': novo radar russo pode detectar aviões furtivos

Tecnologias russas capazes de detectar aviões furtivos do inimigo podem vir a fazer parte do sistema da defesa antiaérea unida da OTSC – Organização do Tratado de Segurança Coletiva, declarou o chefe do Estado-Maior Conjunto da aliança, Anatoly Sidorov.
Sputnik

Inovações russas capazes de desativar tecnologias furtivas do inimigo podem vir a ser usadas na criação do sistema de defesa antiaérea unida da OTSC, declarou militar, citado pelo jornal Rossiyskaya Gazeta. Sidorov comentou que essas inovações seriam eficazes tanto contra aviação do inimigo como contra ataques com mísseis.



O sistema Rezonans-NE funciona graças ao princípio de reflexão ressonante de ondas de rádio da superfície de aparelhos aéreos, facilitando vigilância de aeronaves e mísseis do inimigo, explicou Aleksandr Scherbinko, vice-diretor executivo da empresa de design Rezonans.

"Este modelo pode ser de grande interesse, levando em consideração criação do sistema de defesa antiaérea unida da OTSC, cuja inauguração est…

Chefes do Exterior da Rússia e EUA preparam frente contra inimigo impiedoso

Os chanceleres da Rússia e dos EUA, Sergei Lavrov e John Kerry, respectivamente, estão realizando encontro nas margens da cúpula da OSCE em Belgrado, segundo divulgou a agência noticiosa russa RIA Novosti.


Sputnik

O foco principal do encontro se centrará na luta contra o terrorismo, segundo divulgou Lavrov durante a reunião do Conselho dos ministros do Exterior da OSCE (Organização para a Segurança e Cooperação na Europa):


O encontro do chanceler russo Sergei Lavrov e o seu colega, secretário de Estado norte-americano John Kerry em Sochi
John Kerry e Sergei Lavrov © Ministério das Relações Exteriores da Rússia

“O inimigo perigoso e impiedoso está na nossa frente, e ele tem o alvo de destruir a civilização moderna. Se a Europa não lidar com o desafio, não poderá contar com o desenvolvimento sustentável e próspero”.

No âmbito da sua visita de trabalho à capital sérvia o ministro do Exterior russo também deve se encontrar com os seus homólogos turco e italiano – Mevlut Cavusoglu e Paolo Gentiloni.


Postar um comentário