Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Rússia testará novo avião de transporte militar até o final do ano

Il-112V deverá substituir modelos soviéticos An-24 e An-26, considerados obsoletos.
Nikolai Litôvkin | Russia Beyond

A nova aeronave de transporte militar Il-112V completou os testes de fábrica e está sendo preparada para o primeiro voo, que está previsto para o final de 2018.


Caso os testes sejam bem sucedidos, o Il-112V substituirá nas Forças Armadas russas os modelos An-24 e An-26, desenvolvidos no início dos anos 1960.

O Ilyushin Il-112 é um avião de transporte militar leve de asa alta que está sendo desenvolvido pela Ilyushin Aviation Complex para transporte de cargas militares, equipamentos e pessoal.

Sua capacidade de carga máxima "útil" a bordo será de até cinco toneladas.

Os projetistas pretendem desenvolver duas versões do avião: uma com hangares estendidos para o transporte de equipamentos militares, carga e soldados; e outra, civil, para o transporte de passageiros e carga leve.

O Il-112V é um monoplano com configuração aerodinâmica tradicional e dois poderosos motores…

Companhias suíças são pegas importando petróleo ilegal do Daesh

Comerciantes de petróleo da Suíça podem ter se metido em problemas após a revelação de que eles regularmente importaram petróleo dos terminais na Turquia onde o Daesh, autodenominado Estado Islâmico, vendia seu petróleo ilegal, informa o jornal suíço Le Matin.


Sputnik

O jornal obteve documentos comprovativos de que várias grandes empresas de comércio de petróleo do país exportaram petróleo da cidade turca de Ceyhan, um dos lugares no país onde o petróleo extraído pelo Daesh foi vendido.


Trabalhador em refinaria de petróleo
© AP Photo/ Hasan Jamali

"O risco [de as empresas suíças importarem petróleo do Daesh] é muito alto", disse Jean-Charles Brisard, um especialista francês em financiamento do terrorismo citado pelo Le Matin.


Como o grupo terrorista vende o combustível por um preço mais barato do que seu preço de mercado oficial, muitos compradores não se importaram de comprá-lo, embora houvesse uma proibição oficial de comprar petróleo extraído a partir de territórios controlados pelo Daesh.

Uma vez que o petróleo foi trazido para a Turquia, foi transportado para vários portos em todo o país, incluindo Ceyhan, que é uma porta de entrada para o Mar Mediterrâneo. De lá, ele estava disponível para clientes internacionais, informou o jornal.

Uma investigação realizada pela publicação mostra que várias empresas suíças recentemente compraram petróleo do porto de Ceyhan.

Anteriormente, soube-se que o Daesh transporta petróleo e produtos petrolíferos para a Turquia através de um sistema complexo que envolve uma ampla rede de intermediários.

A Turquia tem sido o principal destino dos produtos petrolíferos roubados pelo Daesh de numerosos campos petrolíferos no Iraque e na Síria. No início de dezembro, o Ministério da Defesa da Rússia divulgou imagens de satélite que mostram colunas de caminhões saindo dos territórios controlados pelos militantes islâmicos em direção à Turquia.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas