Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Adeus a tecnologias 'stealth': novo radar russo pode detectar aviões furtivos

Tecnologias russas capazes de detectar aviões furtivos do inimigo podem vir a fazer parte do sistema da defesa antiaérea unida da OTSC – Organização do Tratado de Segurança Coletiva, declarou o chefe do Estado-Maior Conjunto da aliança, Anatoly Sidorov.
Sputnik

Inovações russas capazes de desativar tecnologias furtivas do inimigo podem vir a ser usadas na criação do sistema de defesa antiaérea unida da OTSC, declarou militar, citado pelo jornal Rossiyskaya Gazeta. Sidorov comentou que essas inovações seriam eficazes tanto contra aviação do inimigo como contra ataques com mísseis.



O sistema Rezonans-NE funciona graças ao princípio de reflexão ressonante de ondas de rádio da superfície de aparelhos aéreos, facilitando vigilância de aeronaves e mísseis do inimigo, explicou Aleksandr Scherbinko, vice-diretor executivo da empresa de design Rezonans.

"Este modelo pode ser de grande interesse, levando em consideração criação do sistema de defesa antiaérea unida da OTSC, cuja inauguração est…

Países fazem fila para comprar caças russos Su-34 e Su-35

Modelos Su-34 e Su-35 são o orgulho das Forças Armadas russas, disse o vice-ministro da Defesa, Yuri Borisov.


Sputnik

Países estão "fazendo fila" para comprar caças Su-34 e Su-35, que demonstraram suas capacidades excepcionais durante a operação militar na Síria, disse nesta segunda-feira o vice-ministro da Defesa, Yuri Borisov.


Sukhoi Su-34, Sukhoi Su-35 e Sukhoi T-50

"Hoje, forças militares estão recebendo modelos avançados como o Su-34 e o Su-35, com características iguais às de modelos ocidentais", disse Borisov.

"Estes é o orgulho de nossas Forças Armadas. Esses modelos já demonstraram sua capacidade de combate, inclusive no conflito sírio. Compradores em potencial já estão 'fazendo fila'", disse Borisov ao canal de TV Russia-24.

O Su-34 é o caça de interceptação mais avançado da Rússia. Ele fez sua "estreia" recentemente, no conflito da Síria. O modelo é armado com mísseis R-73 de combate e R-77 ar-ar de longo alcance. A Aeronave tem autonomia de combate de quase 700 milhas com combustível interno, mas também pode ser reabastecida no ar.

O caça Su-35 é uma versão modernizada do Su-27 multifuncional. Ele foi exibido fora da Rússia pela primeira vez em 2013, no Paris Air Show.


Postar um comentário