Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

China: 'Relatório do Pentágono distorce nossas intenções estratégicas'

A China rejeita firmemente as conclusões do relatório do Departamento de Defesa dos EUA sobre a situação militar e de segurança no país asiático, disse em comunicado o porta-voz do Ministério da Defesa chinês, Lu Kang.
Sputnik

"Em 17 de agosto, o Departamento de Defesa dos Estados Unidos divulgou o relatório sobre a situação militar e de segurança na China, interpretando mal as intenções estratégicas da China e apresentando a chamada ‘ameaça militar chinesa' […] Os militares chineses expressam sua firme oposição a esse respeito", diz a declaração.

"As alegações do relatório dos EUA são pura especulação", disse Kang, explicando que o programa de modernização do Exército chinês se destina a defender "os interesses da soberania, segurança e desenvolvimento do país" e para "providenciar a paz, estabilidade e prosperidade globais".

O porta-voz do ministério chinês também reiterou a posição firme de seu país em relação a Taiwan, que ele definiu como u…

'Turquia fornece armas a grupos terroristas'

O combate contra o terrorismo internacional deveria centrar-se na Turquia, disse nesta sexta-feira (4) o líder do Partido Ortodoxo do Líbano, Masarik Roderick Khoury.


Sputnik

Khoury, que está agora em Moscou, participou de uma entrevista coletiva na qual declarou que Ancara está atuando agora como o principal patrocinador dos grupos armados na Síria.


Recep Tayyip Erdogan, presidente da Turquia
Recep Tayyip Erdogan © Sputnik/ Sergei Guneev

"A Turquia é o primeiro e principal poder que fornece armas a grupos terroristas. Nós acreditamos que o combate contra o terrorismo deveria começar com pressão em relação à Turquia. Agora, a Turquia é o principal patrocinador do terrorismo na região", disse o político.

Khoury também revelou o nome da pessoa que, segundo ele, seria o "líder real dos terroristas": Recep Tayyip Erdogan.

"Outros, como Abu Bakr al-Baghdadi ["califa" autoproclamado do grupo terrorista Daesh, também conhecido como "Estado Islâmico"] e al-Qaeda não são mais do que seus servos. A Frente al-Nusra também leva a cabo ordens da Turquia", opinou o líder do Partido Ortodoxo, justificando as suas alegações com fatos como o seguinte: depois da libertação da cidade síria de Kassab, soldados do exército sírio acharam veículos com placas turcas e outros objetos que só podiam pertencer a homens armados turcos.



Postar um comentário

Postagens mais visitadas