Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Defesa russa: avião Il-20 foi derrubado por mísseis sírios S-200

De acordo com o ministério russo, o sistema de defesa aérea sírio tentava atacar um avião de Israel. No entanto, a tripulação israelense fez uma manobra especial para se proteger, e o míssil acabou atingindo acidentalmente o avião russo Il-20.
Sputnik

O avião Il-20 desapareceu dos radares em 17 de setembro, por volta das 23h do horário de Moscou, (17h em Brasília) durante o retorno planejado à base aérea de Hmeymim, acima do território do mar Mediterrâneo, a 35 quilômetros da costa da Síria, informou o comunicado do Ministério da Defesa da Rússia. O represente oficial da Defesa russa, Igor Konashenkov sublinhou que os aviões israelenses "propositalmente criaram uma situação perigosa para navios e aviões nessa região".

Na opinião dele, para evitar o ataque sírio, a tripulação israelense acabou tornando o Ilyushin-20 alvo de ataque.

"Ao tentarem proteger-se com ajuda do avião russo, os pilotos israelenses o puseram debaixo de fogo do sistema de defesa antiaérea da Síria"…

‘Ministro da defesa’ do Daesh é eliminado em ataque aéreo no Iraque

Uma figura proeminente do grupo terrorista Daesh foi morta durante um ataque aéreo das tropas iraquianas na província de Anbar, durante as operações antiterroristas do exército.


Sputnik

Na terça-feira (5), aviões de combate do Iraque atingiram uma base terrorista na cidade de Barwanah, localizada cerca de 200 quilômetros a noroeste da capital iraquiana, matando o suposto ministro da defesa do Daesh, identificado como Samer Mohammad Matloub Hussein al-Mahlawi, segundo o site de notícias libanês al-Ahed.



Forças de segurança do Iraque se preparam para avançar ao centro da cidade de Ramadi, Iraque, 24 de dezembro de 2015
Forças de Mobilização Popular do Iraque © Sputnik/ Stringer

Durante as ofensivas nas cidades de Barwanah e Haditah, mais de 100 veículos pertencentes aos terroristas também foram destruídos, incluindo carros equipados com materiais explosivos. Os ataques aéreos deixaram mais de 250 militantes do Daesh mortos.

Além disso, um número indeterminado de terroristas do Daesh foi morto na terça-feira quando as Forças de Mobilização Popular, uma organização guarda-chuva iraquiana patrocinada pelo Estado, invadiram uma reunião de militantes nas proximidades do principal hospital de Ramadi, situado cerca de 110 quilômetros a oeste de Bagdá.

Os terroristas do Daesh lançaram uma ofensiva em junho de 2014, espalhando o terror e violência nas partes norte e oeste do Iraque, ocupando grandes partes do território iraquiano.

Atualmente, o Exército iraquiano e combatentes das Forças de Mobilização Popular estão lutando contra os terroristas para reconquistar o seu território.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas