Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Turquia quer ajudar Iraque a combater curdos em Kirkuk

A Turquia informou nesta segunda-feira que estava pronta para ajudar o governo iraquiano a expulsar os combatentes curdos da cidade de Kirkuk, informou AFP.
Sputnik

Ancara teme que a eventual independência do Curdistão iraquiano pode desencadear movimentos semelhantes entre a população curda na Turquia e saudou a operação das forças iraquianas para expulsar as forças do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) de Kirkuk.


"Estamos prontos para qualquer forma de cooperação com o governo iraquiano de modo a acabar com a presença do PKK no território do Iraque", disse o ministro das Relações Exteriores da Turquia, Mevlut Cavusoglu.

O Conselho de Segurança Nacional do Iraque afirmou neste domingo que considerará a presença de militares curdos em Kirkuk como um "declaração de guerra".

Na segunda-feira, as forças iraquianas tomaram amplos territórios nos arredores da cidade, bem como uma base militar, um aeroporto e um campo petrolífero.

Em 2014, as tropas peshmerga curdas …

Rússia exige que Turquia leve à prisão assassino de piloto do Su-24

A porta-voz do Ministério de Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova, pediu à Turquia que leve à prisão o grupo de pessoas responsável pelo assassinato do piloto Oleg Peshkov, que foi raptado quando descia de paraquedas após ter seu Su-24 derrubado por caças turcos em espaço aéreo sírio.


Sputnik

Zakharova afirmou que Alparslan Celik e seus associados devem ser responsabilizados pelo assassinato do piloto russo Oleg Peshkov e levados à Justiça.


Su-24
Sukhoi Su-24 Fencer © Sputnik/ Mihail Mokrushin

"Exigimos que as autoridades turcas tomem medidas imediatas para prender Alparslan Celik e seus seguidores e levá-los à Justiça pelo assassinato do piloto russo, assim como por participarem de hostilidades junto a grupos armados ilegais no território de um país estrangeiro."

Segundo a Russia Today, Celik é um cidadão turco, que parece ser filho do prefeito de Keban, uma pequena cidade na província turca de Elazig. Celik também pode ser integrante dos Grey Wolves, organização ultranacional de jovens, também classificada como neo-fascista. Outros relatos dão conta de que Celik é comandante do grupo rebelde Turcos Sírios, que supostamente abriram fogo contra Peshkov quando o piloto ainda estava no ar, descendo de paraquedas.

O avião russo Su-24 foi derrubado por um caça turco em espaço aéreo sírio no mês de novembro. A Turquia alegou ter abatido a aeronave russa porque esta haveria violado o espaço aéreo turco. Tanto o Estado Maior russo quando o Comando de Defesa Aérea da Turquia confirmaram que o bombardeiro russo nunca entrou no espaço aéreo da Turquia.

O presidente russo, Vladimir Putin, chamou o ataque de "punhalada nas costas". As autoridades de Moscou exigem uma investigação, mas o governo turco não tomou medidas firmes até agora.


Postar um comentário