Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

EUA confirmam linha estratégica de 'desmembramento da Síria', diz analista

Os EUA declararam que não querem restaurar as regiões na Síria que estão sob o controle de Damasco. O especialista Vladimir Fitin explica na entrevista ao serviço russo da Rádio Sputnik o que busca Washington.
Sputnik

Os EUA não querem ajudar na reconstrução das regiões na Síria que ficam sob o controle do presidente sírio Bashar Assad, declarou um alto funcionário dos EUA após o primeiro dia do encontro dos ministros das Relações Exteriores do G7.


Em janeiro, o Departamento de Estado dos EUA afirmou que Washington não iria ajudar a Rússia, o Irã e Damasco oficial na restauração do país, enquanto a "transformação política" da Síria não se realizasse. Segundo declarou o assistente adjunto do secretário de Estado dos EUA para o Médio Oriente, David Satterfield, a condição da ajuda é a reforma constitucional e eleições sob os auspícios da ONU.

O analista do Instituto dos Estudos Estratégicos da Rússia, Vladimir Fitin, na entrevista ao serviço russo da Rádio Sputnik comentou a decla…

Daesh e Frente al-Nusra lutam perto da fronteira com o Líbano

Militantes dos grupos terroristas Daesh e da Frente al-Nusra envolveram-se em batalhas violentas na fronteira sírio-libanesa e sofrem baixas, disse à RIA Novosti uma fonte ligada ao movimento Hezbollah na segunda-feira (8).


Sputnik

“Foram reiniciados combates violentos entre o Daesh e al-Nusra no vale de ad-Deb na região montanhosa de Arsal. Há mortos e feridos de ambas as partes”, disse a fonte.


Militantes do Estado Islâmico lançam um míssil antitanque em Hassakeh, no nordeste da Síria, 26 de junho de 2015
Militantes do Estado Islâmico lançam míssil anti-tanque © AP Photo/ Militant website via AP

No fim de Janeiro, na região de Arsal os terroristas do Daesh tomaram o controle do campo militar da Frente al-Nusra e capturaram seis militantes.

Segundo a fonte, no subúrbio de Damasco, o Exército sírio e as unidades de milícia popular combatem contra grupos armados no subúrbio leste de Damasco de Marge. A luta se reiniciou também no norte da província de Aleppo, a norte da cidade de az-Zahra. Ali, o Exército repeliu um ataque dos terroristas da al-Nusra usando fogo de artilharia.

A Síria está mergulhada na guerra civil desde 2011. O governo do país luta contra um número de fações de oposição e contra grupos islamistas radicais como o Daesh (também conhecido como “Estado Islâmico”) e a Frente al-Nusra.


Postar um comentário