Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Ministro israelense ameaça devolver Líbano à 'Idade da Pedra'

Em entrevista ao portal saudita Elaph, o ministro da Inteligência de Israel, Yisrael Katz, avisou que seu país não hesitará em atacar o Líbano para deter a atividade do grupo xiita libanês Hezbollah, e ameaçou devolver o Líbano à "Idade da Pedra", informou o jornal israelense Haaretz.
Sputnik

Além disso, Katz anunciou que Israel atacará instalações militares do Irã no Líbano: "Temos informações de que o Irã está construindo fábricas de mísseis avançados no Líbano e quero enfatizar que traçamos uma linha vermelha e que não deixaremos que o faça custe o que custar", acrescentou.


Lembrando-se da Segunda Guerra do Líbano em 2006, onde Israel lutou contra o Hezbollah, Katz destacou que os eventos de 11 anos atrás serão um "piquenique" em comparação com o que Israel pode fazer agora.

"Lembro-me de como um ministro saudita disse que devolveria o Hezbollah às suas cavernas no sul do Líbano. Devolveremos o Líbano à Idade da Pedra", declarou o ministro israel…

Embraer KC-390 voa em São José dos Campos pela primeira vez

O Vale

O cargueiro K C-390, produzido pela Embraer, sobrevoou ontem São José dos Campos e aterrissou na pista do aeroporto da cidade. Esta foi a primeira vez que o modelo, que está sendo fabricado em Gavião Peixoto (SP), esteve na RMVale. De acordo com a Embraer, os voos de teste do protótipo estão sendo realizados desde outubro último.

O jato de transporte militar tem mais de 100 horas de voo e os ensaios estão previstos para durar entre 18 e 24 meses. Essa é a maior aeronave produzida no Brasil, de acordo com a Embraer. 




Atração no ar


Para iniciar a produção do modelo em série, a Embraer espera receber a certificação do jato KC-390 até o final de 2017. As primeiras entregas da aeronave estão previstas para o primeiro semestre de 2018. O voo sobre São José dos Campos ontem à tarde despertou a curiosidade de trabalhadores da Embraer e moradores de São José.

Perfil


O avião cargueiro é capaz de transportar até 26 toneladas a uma velocidade de 470 nós (870 km/h), com capacidade de operar em pistas austeras, inclusive não pavimentadas, ou danificadas.

Diferentes tipos de cargas podem ser transportados pelo KC-390, como pallets, veículos, helicópteros e tropas de até 80 soldados equipados. A Embraer e o Comando da Aeronáutica assinaram contrato para produção seriada de 28 aeronaves. Além da encomenda da FAB (Força Aérea Brasileira), existem intenções de compra outros países, totalizando 32 aeronaves.



Postar um comentário