Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Marinha e Aeronáutica do Brasil auxiliam buscas a submarino argentino desaparecido, diz ministro

Segundo Raul Jungmann, três navios e um avião brasileiros já foram disponibilizados. Última vez que o submarino militar com 44 pessoas a bordo manteve contato com a base foi na quarta-feira (15).
Por G1, Brasília

O ministro da Defesa, Raul Jungmann, publicou em seu perfil no Twitter neste sábado (18) que três navios da Marinha brasileira "já estão auxiliando" nas buscas a um submarino argentino que desapareceu com 44 tripulantes a bordo.

Ainda segundo o ministro, a Força Aérea Brasileira (FAB) disponibilizou um avião para também ajudar na procura pelo submarino e um segundo avião "será deslocado para apoiar as buscas do submarino argentino desaparecido" a partir deste domingo (19).

O submarino militar ARA San Juan manteve contato com a base pela última vez na manhã de quarta-feira (15), quando estava no sul do Mar Argentino, a 432 quilômetros da costa patagônica do país.

De acordo com a FAB, o primeiro avião disponibilizado pelo Brasil decolou, com 18 tripulantes, às 17…

Partido de Aldo Rebelo, PCdoB, ‘aparelha’ Ministério da Defesa e irrita militares

Militares se irritam com nomeação de comunistas em chefias


Diário do Poder

Irritou as Forças Armadas a nomeação da ex-deputada Perpétua Almeida (PCdoB) para o cargo de secretária de Produtos do Ministério da Defesa. Eles convivem bem com Aldo Rebelo, também comunista, pelas qualidades pessoais do ministro, mas o “aparelhamento” vem sendo considerado “provocação”. O PCdoB foi o partido da guerrilha do Araguaia, o mais sério conflito armado enfrentado pelo regime militar. 


Para militares, nomeações de comunistas em chefias é aparelhamento. Foto: Alexandre Martins/Câmara

Perpétua Almeida vai ganhar R$ 13,9 mil. O comandante do Exército, general Villas Boas, 50 anos de serviço, recebe R$ 14,2 mil ao mês.

A ex-deputada Perpétua Almeida tem outro “problema” com a caserna: é dela o projeto que exclui militares dos benefícios da Lei da Anistia. O antecessor de Perpétua não sobreviveu à pressão dos militares Murilo Marques Barbosa recebia salário ainda maior: R$ 30,5 mil.


Postar um comentário