Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

ONG: EUA mobiliza terroristas no sul da Síria para atacar Ghouta Oriental

Os militares norte-americanos estão mobilizando combatentes de diversos grupos armados com objetivo de atacar os subúrbios orientais de Damasco, disse à Sputnik o chefe da rede de direitos humanos na Síria, Ahmad Kazem.
Sputnik

"Neste momento os EUA estão juntando os combatentes do Daesh e outros grupos, inclusive os de Idlib, e tenta os transferir para At-Tanf e depois para Ghouta Oriental (subúrbio de Damasco), com objetivo de se contrapor ao exército sírio, que pretende liberar a região dos terroristas", disse Kazem. 


Segundo o defensor dos direitos humanos, os financiadores da Arábia Saudita ordenaram que os terroristas já localizados em Guta Oriental empreendam o máximo dos esforços para resistir às tropas de Damasco.

"Eles continuarão a atacar Damasco de forma caótica com seus morteiros", acrescentou o entrevistado.

Os terroristas, que tomaram o subúrbio oriental de Damasco, continuam a disparar contra os bairros centrais e residenciais da capital síria. Nesta qui…

EUA revelam patrulhas conjuntas com as Filipinas no Mar do Sul da China

Os EUA revelaram pela primeira vez nesta quinta-feira (14) que navios americanos começaram a realizar patrulhas conjuntas com as Filipinas no Mar do Sul da China, segundo informou a AP.


Sputnik


A iniciativa não é feita com outros parceiros dos EUA na região. O secretário de Defesa norte-americano, Ashton Carter, também anunciou em uma conferência de imprensa conjunta com o secretário de Defesa filipino, Voltaire Gazmin, que os EUA vão manter cerca de 300 soldados nas Filipinas até o final do mês. 


Exercícios navais dos EUA e das Filipinas nas águas do Mar do Sul da China, em junho de 2014
Exercício naval dos EUA e Filipinas © AFP 2016/ NOEL CELIS/POOL

As tropas vão incluir comandos da Força Aérea armados com aviões e helicópteros de combate, reforço militar que pode inflamar as tensões com Pequim no disputado Mar do Sul da China.

Os EUA também vão começar a enviar mais forças rotacionais para as Filipinas, e até 75 fuzileiros navais ficarão baseados em Camp Aguinaldo para apoiar o reforço das operações militares conjuntas na região.


Postar um comentário