Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Águas 'quentes' da Síria: fragata russa persegue submarino nuclear dos EUA

Durante sua última missão no mar Mediterrâneo em abril passado, a fragata Admiral Essen da Marinha russa conseguiu detectar e perseguir um submarino nuclear dos EUA perto da costa síria. Essa informação foi só agora tornada pública.
Sputnik

A fragata Admiral Essen, pertencente à Frota do Mar Negro, perseguiu o submarino estadunidense da classe Ohio durante mais de duas horas, comunica o jornal russo Izvestiya, citando o Estado-Maior da Marinha russa.

A tripulação do navio russo registrou os parâmetros principais do submarino para, em seguida, os adicionar ao retrato acústico do submersível.

A fragata havia partido para o mar Mediterrâneo em março e regressou à base de Sevastopol no fim de junho. Encontrava-se na zona costeira síria quando os EUA, o Reino Unido e a França atacaram a Síria com mísseis.

Além disso, no decurso da missão, a sua tripulação realizou uma série de manobras táticas. Em particular, treinou ataques contra alvos marítimos e aéreos, combate em grupo e isolado, bem como…

Menino russo inventa robô para franco-atiradores

Competição nacional do Ministério da Defesa da Rússia permite aos jovens mostrarem as suas invenções técnicas e militares.


Sputnik


Um veículo de neve robótico, equipamento para franco-atiradores, faz parte da série de dispositivos especiais apresentados pelos alunos entendidos em tecnologia de toda a Rússia para mostrar o seu escrutínio profissional na competição nacional organizada pelo Ministério da Defesa da Rússia, comunica a agência RIA Novosti. 


Robô de Pucheglaz(POPEYE) apresentado pelo jovem russo
Robô Pucheglaz © Sputnik

O simulador robótico batizado de Pucheglaz (Popeye em inglês, ou algo como “Olho Arrebentado” em português), apresentado por Semyon Kurochkin, que termina uma escola militar, utiliza o método de correção da visão inventado pelo oftalmologista britânico Jonathan Barnes.

Olhando através do dispositivo, o atirador vê um ponto de laser, o que permite manter o alvo sempre focado. Seguindo as instruções fornecidas na tela, ele começa a estreitar e relaxar os músculos dos olhos. A cada 15 minutos, aparecem o sinal para descansar.

O engenhoso sistema de travagem foi um objeto de elogios por parte dos peritos do Ministério da Defesa.

No seu discurso ao público, o coronel Oleg Vorobyov, que é o chefe interino do Departamento da Propriedade Intelectual e da Avaliação de Fornecimentos do Ministério da Defesa, acrescentou que a competição refletiu o “interesse crescente para a ciência e tecnologia” e contribui para popularização dos progressos científicos russos no estrangeiro.

A Rússia nunca teve falta de jovens mentes inventoras. Por exemplo, os alunos de uma escola de Astracã criaram um robô que pode ser controlado pelo poder do pensamento. A capacidade do mecanismo para reconhecer instruções mentais e transformá-las em sinais foi comprovada em várias experiências.

O sistema consiste de uma plataforma com rodas que pode ser controlada de modo remoto e o controlador que recebe os sinais surgidos no cérebro do operador.

Esta invenção tem usos múltiplos mas é especialmente beneficial para pessoas com deficiências.

No sentido militar, esta invenção pode ser usada para aumentar a eficácia do combate. Ela permite o operador a dirigir o veículo aproveitando vários tipos de armas simultaneamente.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas