Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Análise: presidente ucraniano mata sua indústria ao introduzir novas sanções contra Rússia

O presidente da Ucrânia, Pyotr Poroshenko, assinou um decreto sobre as sanções contra a Rússia adotadas pelo Conselho de Defesa e Segurança Nacional da Ucrânia. O especialista Eduard Popov falou com a Sputnik e indicou qual o principal objetivo perseguido pelo governo ucraniano com tal iniciativa.
Sputnik

Em 2 de maio, o Conselho de Defesa e Segurança Nacional da Ucrânia ampliou as medidas restritivas em relação a diversas pessoas físicas e jurídicas russas, bem como prolongou a vigência das sanções introduzidas anteriormente.

Segundo informou a assessoria de imprensa da entidade, as sanções são aplicadas a pessoas "relacionadas com a agressão no ciberespaço e no campo informacional" contra a Ucrânia, "ações criminosas" contra os cidadãos ucranianos detidos na Rússia, bem como aos deputados da Duma de Estado e do Conselho da Federação da Rússia.

O diretor do Centro de Cooperação Pública e Informativa "Europa", Eduardo Popov, disse ao serviço russo da Rádio Sp…

Rússia começa a testar 'balas inteligentes'

Na Rússia começaram os testes de "balas inteligentes" que podem atingir alvos a uma distância de 10 km, afirmou nesta terça (19) Vitaly Davydov, vice-diretor da Fundação de Estudos Avançados da Rússia.


Sputnik

"O trabalho neste sentido está continuando. Já terminou a fase de criação e de testes do produto em modo não guiado e começaram testes de modo guiado pelo usuário", comunicou Davydov.


Material bélico.
Pedro Ribas / ANPr

Anteriormente, foi relatado que a nova arma de alta precisão pode destruir o inimigo a uma distância de 8-10 km. Também será desenvolvido o equipamento especial para este tipo de munição, que não pode ser utilizado numa arma de fogo convencional.



Postar um comentário