Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

O que acontece quando desaparece um submarino como o argentino ARA San Juan

As autoridades argentinas continuam com as buscas para tentar localizar o submarino ARA San Juan, que estava em uma missão de treinamento e desapareceu na última quarta com 44 tripulantes a bordo.
BBC Brasil


A Marinha argentina revelou que, no último contato, o subcomandante afirmou que a embarcação apresentava um curto-circuito no sistema de baterias.


O submarino fazia o trajeto entre o Ushuaia, no sul do país, e a base naval de Mar del Plata, mais ao norte, quando deixou de se comunicar e sumiu dos radares. Segundo a Marinha, a tripulação teria comida e oxigênio para mais dois dias.

O governo argentino conta com a ajuda de vários países para realizar as buscas, incluindo Brasil e Estados Unidos.

Mas quais são principais dificuldades em uma operação para localizar um submarino? A BBC tenta responder a esta e a outras perguntas sobre o tema.

Por que submarinos não podem ser detectados?


Os submarinos são construídos para serem difíceis de se encontrar. O papel deles é participar, com frequênc…

Caça indiano pousa a apenas 100 quilômetros da China

A pista de pouso modernizada (AGL, sigla em ingês) de Pasighat, na Índia, é considerada uma área estratégica e será uma das bases operacionais controladas pelo Comando Aéreo do Leste, capaz de receber todos os tipos de aviões e helicópteros.


Sputnik

Avião mais destruidor da Força Aérea indiana, Sukhoi-30MKI, realizou sua primeira aterrissagem na base Pagishat, situada no estado indiano de Arunachal Pradesh, inaugurando a pista de pouso modernizada, localizada a apenas 100 quilômetros da fronteira com a China.


Su-30MKI da Força Aérea da Índia.
Sukhoi Su-30 MKI da Força Aérea da Índia © flickr.com/ Jerry Gunner

O aeródromo renovado foi inaugurado na presença de Kiren Rijiju, Ministro da Administração Interna.

O capitão indiano, Mohonto Panging, também estava presente na cerimônia de inauguração. Ele fez parte do grupo de pilotos do Sukhoi, que participaram de treinamento em Moscou. Posteriormente, Panging participou da viagem de fornecimento para a Índia do primeiro lote de 12 caças Sukhoi, que saíram de Moscou em 1997.

Segundo o ministro da Defesa da Índia, Arunachal Pradesh, o estado do Arunachal Pradesh possui 1.680 quilômetros de fronteira com outros países, dos quais 1.080 quilômetros fazem fronteira com a China. A Índia pretende modernizar mais duas pistas de pouso no mesmo estado. Mais um projeto de modernização de pistas de pouso está previsto para ser concluído já no primeiro trimestre do próximo ano, no distrito de Tawang. O projeto já realizou 24% das obras. Em março e maio deste ano, foram inauguradas quatro pistas de pouso modernizadas no território indiano.


 
Postar um comentário