Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Turquia não considera Patriot como alternativa ao S-400, diz parlamentar turco

Washington está negociando com Ancara quanto à possibilidade de fornecimento dos sistemas de defesa antiaérea norte-americanos Patriot no lugar dos S-400 russos, escreveu a revista turca Sabah, citando a assessora do Secretário de Estado dos EUA em questões políticas, Tina Kaidanow.
Sputnik

Kaidanow relevou que o Departamento do Estado está negociando com a Turquia para "tentar dar a entender aos turcos o que se pode fazer em relação aos Patriot".

"Estamos preocupados que a compra dos sistemas russos de defesa antiaérea seja uma espécie de apoio para a Rússia que, pelo que vimos, não se comporta bem em várias partes do mundo, inclusive na Europa", afirmou a assessora, citada pela edição turca.

Um representante do Ministério das Relações Exteriores turco, que pediu anonimato, comentou à Sputnik Turquia sobre a situação quanto às compras dos S-400 por Ancara, bem como quanto ao diálogo com os EUA.
"A nossa postura em relação aos S-400 foi reiterada por diversas vezes…

Terroristas usam armas químicas na Síria e deixam civis mortos

Terroristas detonaram bombas com gás venenoso na cidade síria de Aleppo, matando cinco civis, disse a RIA Novosti na cidade anfitriã. A informação é da agência Sputnik, citando forças de auto-defesa locais.


Sputnik


"Os terroristas usaram armas que contêm substâncias que causam asfixia e relaxam o sistema nervoso. Cinco pessoas morreram sufocadas", disse a fonte. 


Simulação de como responder a um ataque de armas químicas na cidade síria de Aleppo
© AFP 2016/ JM LOPEZ

As bombas teriam explodido nos bairros de Bab al-Faraj e Bustan-Kel-Ab. Em outras ocasiões, os terroristas já haviam usado projéteis com gás sufocante durante o bombardeio a bairros curdos de Aleppo em abril e maio.

Os militantes do Daesh (Estado islâmico) frequentemente usaram armas químicas à base de cloro na Síria e no Iraque para atacar posições da milícia curda e do exército iraquiano. Segundo alguns relatos, os militantes têm estabelecido a sua produção nos laboratórios da universidade da cidade iraquiana de Mosul, ocupada pelos grupos terroristas.


 
Postar um comentário

Postagens mais visitadas