Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

O que acontece quando desaparece um submarino como o argentino ARA San Juan

As autoridades argentinas continuam com as buscas para tentar localizar o submarino ARA San Juan, que estava em uma missão de treinamento e desapareceu na última quarta com 44 tripulantes a bordo.
BBC Brasil


A Marinha argentina revelou que, no último contato, o subcomandante afirmou que a embarcação apresentava um curto-circuito no sistema de baterias.


O submarino fazia o trajeto entre o Ushuaia, no sul do país, e a base naval de Mar del Plata, mais ao norte, quando deixou de se comunicar e sumiu dos radares. Segundo a Marinha, a tripulação teria comida e oxigênio para mais dois dias.

O governo argentino conta com a ajuda de vários países para realizar as buscas, incluindo Brasil e Estados Unidos.

Mas quais são principais dificuldades em uma operação para localizar um submarino? A BBC tenta responder a esta e a outras perguntas sobre o tema.

Por que submarinos não podem ser detectados?


Os submarinos são construídos para serem difíceis de se encontrar. O papel deles é participar, com frequênc…

Autoridades do Iraque anunciam libertação da província de Salah ad-Din

O dirigente da província de Salah ad-Din, no norte do Iraque, disse que a zona, conquistada pelo grupo Daesh, acaba de ser libertada, comunica o canal de televisão iraquiano Al Sumaria.


Sputnik


Segundo Al Sumaria, a última área conquistada pelos terroristas na província foi a povoação a sul de Shirqat, cidade estrategicamente importante que fica nos arredores de Mossul e que foi libertada na quinta-feira (23). 


Tanque Abrams do exército do Iraque
Tanque Abrams do exército do Iraque © AP Photo/ Osama Sami

"O povo do Iraque está de parabéns pela vitória sobre os militantes do Daesh e libertação da última área em Sala ad-Din", cita o canal a declaração de Ahmed al-Jabouri.

O chefe da província exortou a restabelecer infraestrutura destruída e a contribuir para a revolta do povo. Ele acrescentou que as autoridades locais vão tomar medidas necessárias para assegurar e reforçar a segurança e lutar contra a ideologia radical.


Horas antes, homens-bombas atacaram um posto de controle da maior cidade da província. O atentado fez pelo menos 13 mortos e centenas de feridos. Nenhum grupo terrorista assumiu a responsabilidade pelo atentado até o momento.



Postar um comentário